Empreendedorismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3038 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DA CIDADE DE MACEIÓ
CURSO DE ADMINISTRAÇÃO




APS-ATIVIDADES PRÁTICAS
SUPERVISONADAS









MACEIÓ-AL
2012
ELAINE THAMAR DA SILVA MAIA RA: 01692278111.
JOHNNYS WELLEYS
LARISSA JULIANA PAULINO DE SOUSA RA: 01690002043
LAURA VIRGÍNIA DA SILVA AZEVEDO RA: 01690002058
MONICA SANTOS SILVA RA: 01690001007
TAIRLAN FRANÇA VILAR SANTOS RA:68010001231



TEMA: Lançamento de um novo produto (bem ou serviço) no mercado doméstico de uma empresa de pequeno ou médio porte (de acordo com os critérios do BNDES) já existente: um estudo de viabilidade.

Estudo realizado em uma empresa de pequeno porte do ramo alimentício.


Trabalho apresentado aos professores Gilmar Melo e Almir Cota, nas disciplinas Gestão Mercadológica e...., como pré-requisito para obtenção de nota na NP2.

.



MACEIÓ-AL
2012
SUMÁRIO

INTRODUÇÃO

O mercado mudou, as empresas mudaram, e agora sobrevive apenas quem tem bases sólidas e uma pitada de intuição.
O que antes parecia um mau negócio tornou-se bom negócio, quando moldado e trabalhado por quem ousou inovar.
Assim surgiu a LapetiSalgados. Uma empresa de salgados, que surgiu dentro do ambiente de lanchonetes, mas, graças à visão da proprietária, ampliou sua rede de abrangência e atingiu uma parcela de mercado que a maioria das lanchonetes nem ousou tentar.
Fabricante, distribuidora, varejista e atacadista, tudo isso numa só empresa.
Nada melhor do que a frase célebre de Fernando Dolabella em “A Ponte Mágica”para exemplificar o que vimos na Lapeti: "O empreendedor é alguém que inova, cria sua própria resposta. Cada um busca aprender o que é necessário para realizar o seu sonho".

1. REVISÃO CONCEITUAL


O termo Marketing provém da junção de duas palavras inglesas: “market” e “ing”, mercado e ação/movimento, então podemos definir o Marketing como o mercado em movimento.Objetivo do Marketing segundo Peter Drucker é “tornar a venda supérflua. A meta é conhecer tão bem o cliente que o produto ou serviço se adapte a ele e se venda por si só”.
Philip Kotler entende Marketing como “o processo social por meio do qual, pessoas e grupos de pessoas obtêm aquilo de que necessitam e o que desejam com a criação, oferta e livre negociação de produtos eserviços de valor com outros”.
Há quem diga que Marketing pode ser definido também como sendo o agente transformador dos produtos, tornando-os “o produto certo, no lugar certo, na altura certa, pelo preço certo”.
Há ainda quem confunda Marketing com promoção de vendas. Limitando assim o conceito ao simples fato de vender produtos. Porém, Marketing não é a venda do produto. É oconjunto de ações que se fazem necessárias para que o resultado alcançado seja a venda.
Theodore Levitt define da seguinte maneira: “a venda foca as necessidades do vendedor, o Marketing, as necessidades do comprador”.
Philip Kotler tem algumas outras definições interessantes:
* O marketing procura o equilíbrio entre a oferta e a demanda.
* Marketing não é a arte dedescobrir maneiras inteligentes de se descartar o que foi produzido. Marketing é a arte de criar valor genuíno para os clientes. É a arte de ajudar os clientes a tornarem-se ainda melhores.
Marketing é a função empresarial que identifica necessidades e desejos insatisfeitos, define e mede sua magnitude e seu potencial de rentabilidade, especifica que mercados-alvo serão mais bem atendidospela empresa, decide sobre produtos, serviços e programas adequados para servir a esses. Mas o que vem a ser Empreendedorismo?
Alguns vêem como a capacidade de inovar, transformar, ou ainda adaptar um negócio já existente. Vejamos o que se diz sobre o assunto:
* Schendel (1990) “Empreendedorismo corporativo envolve a noção de nascimento de um novo negócio dentro de um...
tracking img