Embraer analise

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6530 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Recursos Humanos Competências e Internacionalização: Um estudo de caso em empresa brasileira com subsidiária de produção no exterior AUTORAS TATIANA PROENÇA URBAN Universidade de São Paulo tatiproenca@yahoo.com MARIA TEREZA LEME FLEURY Universidade de São Paulo mtfleury@usp.br

Resumo A internacionalização de empresas brasileiras tem recebido especial atenção nos meios acadêmicos. O interessenão está apenas na relação de exportação, mas na criação de subsidiárias no exterior. Este estudo avança relacionando internacionalização e competências organizacionais em um estudo de caso na Embraer, uma empresa de origem brasileira que, desde 2002 está produzindo aviões fora da matriz, através de uma joint-venture na China. Quais foram as competências necessárias? Quais foram os desafios? O que aempresa aprendeu em termos de competências? Essas são as principais perguntas que serão discutidas no caso baseadas com a revisão bibliográfica sobre os temas: internacionalização, aprendizagem e competências. Palavras-chave: Competências, Internacionalização, Aprendizagem.

Abstract Internationalization of Brazilian enterprises is in focus at the academic settings. The interest is not only inthe exporting relations, but mainly in the creation of subsidiaries abroad. This study relates internationalization and organizational competences in a case study at Embraer, a company born in Brazil that, since 2002, is building airplanes abroad through a joint-venture in China. What were the necessary competences? What challenges have been faced? What the company has learned in terms ofcompetences? Those are the main questions that are going to be discussed in the case based on the bibliographic revision about the topics: internationalization, learning and competences. Key words: Competences, Internationalization, Learning.

1.

Introdução As discussões sobre ambiente competitivo e busca de oportunidades para o crescimento da firma aparecem com grande freqüência na literatura deeconomia e de estratégia. Como uma vertente desses grandes temas, considerada a solução para alguns dos desafios das firmas e a origem de outros, situa-se o tema internacionalização. Existem diversas linhas pelas quais o tema avança, dentre elas uma corrente mais recente, em que se destacam Bartlett e Goshal (2000) focam seu interesse em identificar grupos de países ou de empresas com perfisdiferentes de internacionalização. Esses autores adotam a denominação “late movers” ou “late comers”, ou seja, países ou empresas que começam a atuar de forma tardia fora de seu país de origem e que teriam um estilo diferente de internacionalização dos países industrializados. Neste grupo, por exemplo, encontram-se as empresas que nasceram no Brasil, China, Índia e outros países da América Latina, “latemovers” por definição. 2. Problema, objetivo e questões de pesquisa No Brasil, os debates sobre internacionalização têm se intensificado nos últimos anos, muitas vezes tomando o tema como algo inovador. Entretanto, o histórico das relações do Brasil com o mundo, não demonstra um fenômeno recente, afinal, desde as atividades de pirataria, o desempenho de Portugal em relações comerciais ao redor domundo, da Companhia das Índias Ocidentais são marcantes em atividades empresariais internacionais envolvendo esse país. O Brasil, desde os primeiros dias de colônia, já mantinha relações com o mundo. As diversas fases da história da economia brasileira ilustram esta realidade: exploração de pau-brasil, de ouro, a produção de açúcar e de café demonstram a abertura que a economia brasileira sempreteve para o exterior. Infelizmente, o foco dessas atividades era, muitas vezes, o enriquecimento de outras nações e não o desenvolvimento interno. Apenas com o processo de industrialização e substituição de importações a atenção começou a se concentrar no crescimento nacional. O fechamento do mercado, por outro lado, limitou o desenvolvimento da indústria brasileira que perdeu competitividade...
tracking img