Eletrecidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1292 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Para a adoção de estratégias para a otimização do uso de energia elétrica faz-se necessário o perfeito conhecimento da sistemática de tarifação. Pois, a legislação brasileira permite às concessionárias calcular as faturas em função do: (a) consumo (kWh) , (b) demanda (kW), (c) fator de potência e (d) diferentes tipos de tarifas.
Para a elaboração das faturas os consumidores finais(indústrias, residências, propriedades rurais, comércio e outros), são classificados em dois Grupos conforme o Quadro 1

Quadro 1 - Grupos de Consumidores
Grupo A - Alta Tensão

Grupo B - Baixa Tensão

A-1 - 230 kV ou mais;
A-2 - 88 a 138 kV;
A-3 - 69 kV;
A-3a - 30 a 44 kV;
A-4 - 2,3 a 13,8 kV; e
A.S. - 2,3 a 13,8 kV (Subterrâneo).

B-1 - Residencial;
B-1 - Residencial Baixa Renda;
B-2 -Rural;
B-3 - Não Residencial Nem Rural; e
B-4 - Iluminação Pública.

Fonte: COPEL
volta ao índice
Parâmetros para Tributação
1) Consumo

Consumo refere-se ao registro do quanto de energia elétrica foi consumida durante determinado período. No cálculo das faturas é considerado o período mensal e este é expresso em kWh (quilo watts hora).

2) Demanda

Demanda corresponde ao consumode energia dividido pelo tempo adotado na verificação. Conforme legislação brasileiria é determinado para fins de faturamento que este período seja de 15 minutos. Assim, por exemplo, se determinada instalação possui quatro motores de 30 kW (40 cv) que são acionados da seguinte maneira:
0 - 3 minutos - 2 motores - Carga = 60 kW,
3 - 10 minutos - 4 motores - Carga = 120 kW,
10 - 15 minutos -1 motor - Carga = 30 kW.

Observa-se para este caso, que a demanda será:

D= (60kW.3min + 120kW.7min + 30kW.5min)/15 = 78 kW (105 cv)

No entanto, a demanda para o faturamento mensal será o maior entre os seguintes valores:

Demanda registrada - corresponde ao maior valor de demanda medido em intervalos de 15 minutos durante período, em média considera-se um mês. Desta forma,dentre 3000 valores registrados, seleciona-se o maior.

Demanda contratada - cabe ao usuário, com base nas cargas instaladas e processo produtivo, definir o valor de demanda necessário. Fator que será considerado pela concessionária ao definir os equipamentos para atender a solicitação de serviço, como: transformadores, dispositivos de proteção e/ou eventualmente até a subestação.

DemandaPercentual - considerando o período de 11 meses anteriores ao mês em questão, seleciona-se a máxima demanda registrada e calcula-se 85% deste valor. O que demonstra ser necessário a monitoração do valor da demanda. Pois, um alto valor pode refletir nos valores das faturas dos 11 meses subseqüentes.

3) Fator de Potência

Geralmente em circuitos elétrico tem-se potências ativas e reativas. Aspotencias ativas referem-se ao somatório dos valores dispensados a realização de trabalho como: aquecimento, resfriamento, iluminação e acionamento de equipamentos. Enquanto as potências reativas são associadas a manutenção de campos elétricos, como os que ocorrem nas espiras dos motores elétricos. Ao somar vetorialmente as potências ativas e reativas tem-se a potência total.
Desta forma,define-se como fator de potência, a razão entre potência ativa e potência total, e seu valor varia entre 0 e 1.
Conforme legislação brasileira, o fator de potência deverá ter como limite mínimo o valor de 0,92. Caso ocorra valores menores o consumidor será penalizado. O registro do fator de potência ocorre em intervalos horários. Para o cálculo da fatura seleciona-se o menor valor ocorrido no mêsem questão. Assim, dentre 700 registros mensais, seleciona-se o menor

Nota(1): Para maiores detalhes consulte as Normas disponibilizadas no site ANEEL - Agência Nacional de Energia Elétrica - Brasil, ou consulte sua concessionária. Vide alguns links no final deste artigo.

volta ao índice
Sistema Tarifário
Em estudos realizados nos anos oitenta, foi constatado que o perfil de...
tracking img