Edafologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1337 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU
Curso: Engenharia Florestal
Disciplina: Edafologia II
Aula: SISTEMA SOLO-PLANTA-ATMOSFERA

1. Introdução
Planta: C, H, O

ar + água (93%)

+ nutrientes

solo (7%)

M (adubo) = [ M (exigência) – M (fornecimento) ] x f
(adubo)

SISTEMA SOLO-PLANTA-ATMOSFERA

M (atmosfera)

M (sólida)

M (lábil)

M (solução)

M (erosão)

M (sólida)

M(lábil)

M (lábil)

M (solução)

M (raiz)

M (parte aérea)

M (lixiviação)

=

intemperização, humificação

=

disponibilidade, dessorção, mineralização

2. Conceitos
Solo: resultado da interação entre a rocha,
a atmosfera (ar e água) e os organismos

INTEMPERISMO: processo que as rochas e seus minerais
sofrem em contato com a atmosfera, hidrosfera e biosfera FATORES FORMADORES DO SOLO:

*S = f (p, c, r, o, t)
* Jenny (1941)

RELEVO

CLIMA E ORGANISMOS

TEMPO

COMPOSIÇÃO DO SOLO

Fase Sólida:

composta de uma fração mineral +
uma orgânica
Argila < 0,001mm

(areia, silte e argila)
minerais de argila
Fase sólida

Minerais + MO

decomposição

+
húmus

Colóides do solo

FRAÇÃO MINERAL

Partículas minerais diferem na origeme tamanho

Qto
origem:

remanescentes da rocha que deu origem ao solo
produtos secundários (decompostos pela
intemperização)

Rochas Magmáticas
Litosfera:

Rochas Sedimentares
Rochas Metamórficas

Rochas
magmáticas
e
metamórficas ocupam 95%
do volume total e 25% da
superfície

Rochas
sedimentares
ocupam 5% do volume e 75%
da superfície

Qto ao tamanho:

Limite deTamanho dos Separados do Solo
SEPARADO
DIÂMETRO MÉDIO (mm)
Areia muito grossa

2,000 a 1,000

Areia grossa

1,000 a 0,500

Areia média

0,500 a 0,250

Areia fina

0,250 a 0,100

Areia muito fina

0,100 a 0,050

Silte

0,050 a 0,002

Argila

< 0,002

Limite do Tamanho das Subdivisões do Esqueleto do Solo
Cascalho
2,0 – 20 mm
Seixos

2,0 – 20 cm

Pedras

0,2 – 2m

Matações

>2m

FRAÇÃO ORGÂNICA
decomposição

moléculas + íons
Restos
animais e
vegetais

microorganismos

humificação

húmus

Funções da M.O:
Composição da fase lábil
Contribui para estrutura, cor e temperatura do solo
Alta densidade de cargas elétricas

3. Propriedades físicas do solo
TEXTURA:

é a proporção de areia, silte e argila (g Kg-1)

Classe Textural:combinações de porcentagem de areia, silte e
argila

ESTRUTURA
é o arranjamento das partículas primárias (areia, silte e argila)
formando partículas secundárias ou agregados

Agregados

areia, silte e argila cimentadas por argila floculada,
matéria orgânica coloidal (húmus) e por óxidos desidratados

Tipo, Classe e Grau de estrutura:
são parâmetros que avaliam a forma, tamanho e aresistência

Tipo de Estrutura

Classe de Estrutura:
é o tamanho dos elementos estruturais

Limites de tamanho (mm)
Classe

Esferoidal

Laminar

Cúbico

Prismático

50

> 100

Muito pequena

Muito grande

Grau de Estrutura:
resitência dos elementos estruturais
GRAU DE ESTRUTURA
Ausente

quando o material é solto e sem elementos estruturais

Muito Fraco

quandoexistem poucos elementos estruturais, que se rompem
facilmente entre os dedos

Fraco

quando existem poucos elementos estruturais, os quais se
rompem pela pressão entre os dedos

Moderado

quando cerca de 50% da massa do solo é constituída de
elementos estruturais, os quais se rompem entre as mãos

Forte

quando cerca de 75% da massa do solo é constituída por
elementos estruturais,que são vistos nos barrancos e só se
rompem com forte pressão entre as mãos

Muito Forte

quando os elementos estruturais não se rompem entre as mãos
e preenchem as demais condições da classe anterior

DENSIDADE
Densidade da partícula: massa de uma amostra de solo com volume
ocupado pelas partículas sólidas
Densidade do solo: massa de uma amostra de solo com volume
ocupado pelas...
tracking img