Economia procura e oferta agregada

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1966 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
|
Fundamentos da procura e oferta agregada |
|
|
André Correia PereiraFilipe Dias |
Michele Grimaldi |
Trabalho apresentado ao docente: Fernando Costa da unidade curricular: Economia Ano: 1º Turma: 1 Curso: Gestão de empresas |

Índice
Lista de abreviaturas e siglas 2
INTRODUÇÃO 4
Macroeconomia 5
A diferença entre o curto e o longo prazo 5
Procura agregada 6
Curva daProcura Agregada 7
Curva da Procura com Inclinação Negativa – influência da inflação 7
Deslocações da Procura Agregada 8
Oferta agregada 9
Determinantes da Oferta Agregada 10
Efeito Combinado do Aumento dos Custos e Crescimento do Produto Potencial 11
Deslocações da curva da oferta agregada 12
EQUILÍBRIO MACROECONÓMICO 12
Modificações no equilíbrio de mercado 13
CONCLUSÃO 15BIBLIOGRAFIA 16

Lista de abreviaturas e siglas
P - preço
Q - quantidade
E – ponto de equilíbrio
AD – procura agregada
AS – oferta agregada

INTRODUÇÃO
Este trabalho é realizado no âmbito da disciplina de economia, no qual vamos falar dos fundamentos da procura e oferta agregada.
A proposição de que existe uma curva da procura agregada “bem comportada”, ou seja, uma relação inversa entreo nível de preços e o nível de procura efetiva real da economia, é a base do consenso da macroeconomia.
A economia só pode estar sujeita a uma restrição de procura agregada quando houver rigidez de preços e/ou salários nominais. Somente por conta da suposta validade da curva da procura agregada negativamente inclinada se pode dizer que a curva da oferta agregada de longo prazo (longo prazo esteque é definido como prazo suficientemente longo para que preços e/ou salários nominais sejam suficientemente flexíveis) coincide com o nível de produto potencial.
Quando a procura e a oferta agregadas se interligam diz-se que existe um equilíbrio macroeconómico que é quando as quantidades oferecidas de bens e serviços pelas empresas são iguais à quantidade procurada por parte dos agentesinstitucionais da economia, mantendo-se tudo o resto constante.

Macroeconomia
Estuda / analisa a determinação e o comportamento dos grandes agregados nacionais, como o produto interno bruto (PIB), investimento agregado, a poupança agregada, o nível geral de preços, entre outros. Seu enfoque é basicamente de curto prazo (ou conjuntural), e busca explicar como a economia opera sem a necessidade decompreender o comportamento de cada indivíduo ou empresa que dela participam. Preocupa-se com o comportamento da economia como um todo, por meio de preços e quantidades absolutos. Faz parte dela os movimentos globais nos preços, na produção ou no emprego. Têm como objecto de estudo as relações entre os grandes agregados estatísticos: a renda nacional, o nível de emprego e dos preços, o consumo, apoupança e o investimento totais.
A diferença entre o curto e o longo prazo
A maior parte dos economistas acredita que a “teoria clássica” se aplica no longo prazo e não no curto prazo.
* No longo prazo: alterações na oferta de moeda afectam as variáveis nominais mas não as variáveis reais (dicotomia clássica).
* No curto prazo (alterações anuais): a hipótese de neutralidade da moeda não éapropriada.
São utilizadas duas variáveis para desenvolver um modelo de análise das flutuações de curto prazo:
* O produto ou rendimento (PIB real).
* O nível de preços (IPC ou deflator do PIB).
O modelo básico da procura agregada e oferta agregada é utilizado para explicar as flutuações de curto prazo em torno da tendência de longo prazo.

Procura agregada
A procura agregada correspondeao somatório dos gastos em bens e serviços realizados pelos diferentes agentes económicos de uma determinada economia. Estes agentes económicos e respectivos gastos são:
| * Famílias que realizam despesas de consumo; |

| * Empresas que realizam despesas em investimentos e em stocks de existências; |

| * Estado que realiza despesas de consumo (chamado consumo público); |...
tracking img