Economia catarinense no seculo xviii e xix

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (735 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A colonização açoriana começou por volta de 1738 e ocupou a parte litoranea do estado.
A vinda dos açorianos ao brasil se deu por alguns motivos entre eles: uma crise que se estabelecia no localonde moravam, e outro motivo seria a pedido do rei.
A maioria dos imigrantes era constituida de pequenos agricultores e de pescadores. Os primeiros tinham como atividade economica mais importante ocultivo da mandioca e a produção de farinha. Já os pescadores tinham como atividade economica primordial a pesca da baleia, de onde produziam o azeite.
O excedente era comercializado no porto de desterroque se localizava onde atualmente esta o centro de florianopolis. As comunidades situadas no inteior da ilha tinham grande dificuldade em comercializar sua produção devido ao dificil acesso quetinham ao porto. Assim as pessoas do interior da ilha colocavam seus produtos no mercado local e recebiam em troca as mercadorias necessarias.
Até o final do seculo xviii configurou-se um sistemaeconomico de subsistencia local integrado da pesca e da produção de generos alimenticios basicos no litoral e na pecuaria extensiva no planalto.
Este cenario so se modificou a partir de meados do seculo xixe inicio do seculo xx, a partir de um enorme processo de imigração para as regioes do vale do itajai( blumenau e brusque), para a regiao norte (joinville, jaragua do sul , são bento do sul e sãofrancisco do sul), e para o sul do estado (criciúma e urussanga).
A partir deste periodo começa a transformação da economia catarinense com o surgimento de pequenas industrias nos setores alimentar,textil, erva-mate e de madeiras.
Em função disso a economia de santa catarina passa a participar da dinamica do pais, atraves do forncimento de excedentes.
Na mesorregião da grande florianopolis asatividades economicas durante o periodo colonial restringiram-se à pesca artesanal e ao cultivo de produtos de subsistencia, com destaque para o cultivo da mandioca e fabricação da farinha e em menor...
tracking img