Durkheim

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (292 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A VISÃO FILOSÓFICA SOBRE O TRABALHO Pelo trabalho, o homem transforma a natureza. Essa atividade se distingue da ação animal porque é dirigida por um projeto (antecipação daação pelo pensamento) e, portanto, é deliberada, intencional. Pelo trabalho, é estabelecida uma relação dialética entre a teoria e a prática: o projeto orienta a ação e estaaltera o projeto, que de novo altera a ação, fazendo com que haja evolução dos processos empregados; o que gera um processo histórico. Além disso, para que essedistanciamento da ação seja possível, é preciso que o homem tenha a linguagem, pela qual representa o mundo (torna presente no pensamento o que está ausente) e comunica-se com o outro. Otrabalho se realiza, então, e sobretudo, como atividade coletiva. Mas o trabalho, além de transformar a natureza, humanizando-a, além de proceder à “comunhão” (à união) doshomens, transforma o próprio homem. “Todo trabalho trabalha para fazer um homem ao mesmo tempo que uma coisa”, disse Mounier. Isto significa que pelo trabalho o homem seautoproduz, desenvolve as suas habilidades, a imaginação; aprende a conhecer as forças da natureza e a desafiá-las; aprende a conhecer suas próprias forças e limitações;relaciona-se com os companheiros e vive os afetos de toda relação; impõe-se uma disciplina. O homem não é sempre o mesmo, pois o trabalho altera a visão que ele tem do mundo e de simesmo. E se, num primeiro momento, a natureza se apresenta aos homens como destino, será o trabalho a condição da superação dos determinismos: essa transcendência épropriamente a liberdade. Por isso, a liberdade não é alguma coisa que é dada ao homem, mas é o resultado da sua ação transformadora sobre o mundo, segundo seus projetos.

tracking img