Durkheim

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (290 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Tipos de solidariedade social

Émile Durkheim - chegou a conclusão de que os laços que prenderiam os indivíduos uns aos outros, nas mais diferentes sociedades seriam dadas pelasolidariedade social, sem a qual não haveria uma vida social, sendo essa solidariedade do tipo mecânica ou orgânica.
A solidadriedade mecânica, é encontrada nas sociedades primitivas, ou seja,em sociedades pequenas que já se organizam pela linhagem da família (laços e parentescos). Nela predomina uma consciência coletiva, ou seja: todos possuem praticamente os mesmos modos defalar, agir, sentir.
A coesão social se dá pelos valores sociais e religiosos, tradição e/ou pelas crenças e costumes compartilhados. A fim de manter a harmonia social aplicam-semeios coercitivos. a divisão do trabalho se dá pela diferenciação entre os sexos.
Já a solidariedade orgânica é fruto do aumento das diferenças sociais que surgem à medida que a populaçãovai crescendo. Aqui a divisão social do trabalho é bem complexa em virtude do número de profissões existentes. Nela predomina a consciência individual, ou seja, cada grupo possui suascrenças e valores sociais. Os membros são unidos pela necessidade da troca de bens e serviços. As leis, as regras surgem para que os orgãos existentes na sociedade não entre em estado deanomia e possam funcionar corretamente na sociedade.
Numa sociedade mecânica, as pessoas pensam juntas.
Numa sociedade orgânica, um cidadão pensa por si só.
Para Émile Durkheim,pensar individualmente não é sinaL de egoismo, mas uma consciência formada socialmente.
Durkheim pensa a sociedade como um corpo vivo em funcionamento. Da mesma forma que um organismovivo, ela nasce, cresce, se desenvolve, e morre.
A passagem da solidariedade mecânica para a orgânica, em Durkheim, é a base do entendimento para a formação da sociedade capitalista.
tracking img