Direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 63 (15653 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
KARL MARX
Márcia Gardênia Monteiro de Oliveira Tania Quintaneiro
O trabalhador é tanto mais pobre quanto mais riqueza produz, quanto mais cresce sua produção em potência e em volume. O trabalhador converte-se numa mercadoria tanto mais barata quanto mais mercadorias produz. A desvalorização do mundo humano cresce na razão direta da valorização do mundo das coisas. O trabalho não apenas produzmercadorias, produz também a si mesmo e ao operário como mercadoria, e justamente na proporção em que produz mercadorias em geral.
Karl Marx
INTRODUÇÃO
As formulações teóricas de Karl Marx acerca da vida social, especialmente a análise que faz da sociedade capitalista e de sua superação, provocaram desde o princípio tamanho impacto nos meios intelectuais que, para alguns, grande parte dasociologia ocidental tem sido uma tentativa incessante de corroborar ou de negar as questões por ele levantadas. Mas a relevância prática de sua obra não foi menor, servindo de inspiração àqueles envolvidos diretamente com a ação política. Herdeiro do ideário iluminista, Marx acreditava que a razão era não só um instrumento de apreensão da realidade mas, também, de construção de uma sociedade maisjusta, capaz de possibilitar a realização de todo o potencial de perfectibilidade existente nos seres humanos. As experiências do desenvolvimento tecnológico e as revoluções políticas, que tornaram o Setecentos uma época única, inspiraram sua crença no progresso em direção a um reino de liberdade.
Além das dificuldades inerentes à complexidade e extensão da obra de Marx, o que aumenta o desafiode sintetizá-la, o caráter sucinto de algumas de suas teses tem dado lugar a interpretações controversas. O que se procura a seguir é apresentar, para os que se iniciam no pensamento marxiano, seus fundamentos conceituais e metodológicos.
DIALÉTICA E MATERIALISMO
A tradição filosófica dominante na Europa até o início da modernidade pressupunha a existência, além do mundo sensível e histórico,de uma outra dimensão mais real e povoada de substâncias ou de essências imutáveis que seriam os verdadeiros objetos do
conhecimento. Sob essa ótica, o movimento e a transformação, no nível fenomênico, eram considerados mera aparência ou concebidos como consumação de um ciclo inexorável que em nada afeta o ser das coisas, constituído desde sempre, e sempre idêntico a si mesmo. Gradualmente, oscaminhos da razão e da história irão se aproximando até que formas mais dinâmicas de entender a realidade acabarão por ocupar o lugar das concepções anteriores. A filosofia idealista de Georg wilheim Friedrich Hege1 (1770-1831) é um ponto alto dessa trajetória. Para o pensador alemão, “tudo o que é real é racional, e tudo o que é racional é real”. A realidade histórica desenvolve-se enquantomanifestação da razão, num processo incessante de auto-superação desencadeado pelo conflito e pela contradição que lhe são inerentes. Tal é “o movimento dialético, esse caminho que produz a si mesmo”. A noção de dialética origina-se no pensamento clássico grego e é retomada e reformulada por Hegel que, discorrendo sobre a dificuldade de apreendê-la, diz:
Assim como a opinião se prende rigidamente àoposição do verdadeiro e do falso, assim, diante de um sistema filosófico, ela costuma esperar uma aprovação ou uma rejeição e, na explicação de tal sistema, costuma ver somente ou uma ou outra. A opinião não concebe a diversidade dos sistemas filosóficos como o progressivo desenvolvimento da verdade, mas na diversidade vê apenas contradição.1
1 HEGEL. A fenomenologia do espírito, p. 6. Opensamento de Hegel continua a ser pouco assimilável pela mentalidade ocidental, especialmente suas reflexões sobre o ser e o não-ser, que ultrapassam os princípios da identidade e da não-contradição da lógica clássica. Hegel procura mostrar que o sensível, o que vemos, é, logo a seguir, o que não é. Se o “aqui” é uma árvore, quando lhe voltamos as costas, essa verdade desaparece e se transforma no seu...
tracking img