Direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 90 (22496 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
•••••••

t ••••• j ••••••• , ~ •••••••• 1

(Ç)

1993 by Editora Atlas S.A.

1. ed. 1993; 2. ed. 1994; 3. ed. 1995; 4. ed. 1996; 5. ed. 1997; 6.ed. 1998; 7. ed. 1999; 8. ed. 2000; 9.ed. 2004; 10. ed. 2007; 3. reimpressão 2009 Cromo da capa: Getty Images/Tony Stone Composição: Formato Serviços de Editoração

~:E:SI>~

~,T~~ 'o_~
l~\

~~

..,,. Meus agradecimentos pelo zelo porminha formação.
Ao

Editora Atlas S.A. Rua Conselheiro Nébias, 1384 (Campos Elísios) 01203-904 São Paulo (SP) Tel.: (0 __ 11) 3357-9144 (PABX) www.EditoraAtlas.com.br

11

meu amado filho, Marcelo Alexandre T. D. de Andrade Martins, o carinho materno que inspira os meus dias.

Ao meu netinho Lucas, a certeza de uma descendência abençoada.

• •

• • • • • • • • • • • •

• • • • • • • •• • • • • • • •

• • •

~

• •• • • • • • •

SUMÁRIO

-

Nota dos autores à 7nª ('niriJo, 13 Nota dos autores, 15 Parte I - Introdução 1

à Comunicação,

17

COMUNICAÇÃO JURÍDICA, 19 1.1 Conceitos, 19 1.2 Elementos da comunicação, 22 1.3 Funções da linguagem, 24 1.4 Língua oral e língua escrita, 25 1.5 Níveis de linguagem, 26 1.6 O ato comunicativo jurídico, 28 1.7 Conceitosbásicos de lingüística e comunicação jurídica, 29 1.7.1 Quanto ao emissor, 30 1.7.2 Quanto ao receptor (destinatário do discurso), 32 1.7.3 Estrutura do discurso comunicativo, 35 1.8 Exercícios, 36

Parte 11 - Vocabulário 2 VOCABULÁRIO,41 2.1

Jurídico,

39

Léxico e vocabulário, 41

8

Curso de Português Jurídico • Damião/Henriques

Sumário

9

2.2 O sentido das palavras: denotaçãoe conotação, 2.4 Polissemia e homonímia, 47

42

3.4.3 3.4.4 3.4.5 3.5 3.6

A ordem dos termos no período

simples, 93 95 96

2.3 O sentido das palavras na linguagem jurídica, 45 2.4.1 Usos da linguagem jurídica: algumas dificuldades, 51 2.5 Sinonímia e paronímia, 52 2.5.1 Sinônimos, 52 2.5.2 Parônimos, 54 2.5.3 Usos da linguagem jurídica (sinonímia e paronímia), 2.6 O verbo jurídico:acepções e regimes, 58 2.7 Arcaísmos, 62 2.8 Neologismos, 64 2.9 Estrangeirismos,65 2.10 Latinismos, 67 2.11 Campos semânticos e campos léxicos, 69 2.12 Dificuldades do vocabulário na linguagem jurídica, 70 2.13 Repertório vocabular jurídico, 73 2.14 Exercícios, 77 Parte 111 - A Estrutura Frásica na Linguagem 3 FRASE,81 3.1 Frase, oração, período, 81 3.1.1 Frase, 81 3.1.2 Oração, 82 3.1.3 Período,82 3.2 Estrutura da frase, 83 3.2.1 As combinações da frase: coordenação 3.2.1.1 3.2.1.2 Coordenação, 83 Subordinação, 84 da frase, 84 5.2 e subordinação, 83 4.5 4.6 Jurídica, 79 4.4 55

A expressividade frásica na coordenação, A expressividade frásica na subordinação, 97

Feição estilística da frase e discurso jurídico, Exercícios, 100 e Discurso Jurídico,

Parte IV - Enunciação 4

103CONSIDERAÇÕES GERAIS, 105 4.1 Enunciação e discurso, 105 4.2.1 4.2.2 4.2.3 Texto, 107 Contexto, 108 Intertexto, 4.2.3.1 4.2.3.2 4.2.3.3 4.2.3.4 109 Paráfrase, 111 Estilização, 113 Paródia, 116 Recriação polêmica, 118 4.2 Algumas definições, 107

4.3 Tipos de texto, 119 Coesão e coerência textual, 120 4.4.1 4.4.2 Coesão, 120 Coerência, 122 129

Principais elementos de coesão no discursojurídico, Exercícios, 132 e a Redação Jurídica, 135

Parte V - O Parágrafo 5 A REDAÇÃO, 137 5.1

Conceitos e qualidades, 5.1.1 5.1.2 5.1.3 5.2.1 5.2.2 5.2.3 Unidade, 138 Coerência, 139 Ênfase, 141

137

3.3 Relações sintáticas na expressividade 3.3.1 Concordância, 84 3.3.2 Regência, 86 3.3.3 Colocação, 87

Estrutura do parágrafo, 143 Tópico frasal, 144 Desenvolvimento, Conclusão, 149 dosparágrafos, 150 144

3.4 Aspectos estilísticos da estrutura oracional, 89 3.4.1 A frase completa simples, 90 3.4.2 O fator psicológico da estrutura frásica, 92 5.3

O encadeamento

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •
W'

10

Curso de Português Jurídico • Damião/Henriques

Sumário

11

5.4 5.5 5.6 5.7

Elaboração do parágrafo: 5.5.1 5.6.1 5.7.1...
tracking img