Diabetes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1702 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. Diabetes
A diabetes é uma alteração do metabolismo da glicose, caracterizada por deficiência de insulina ou resistência à ação da insulina, ou seja, do jeito com que o
organismo usa a digestão dos alimentos para crescer e produzir energia. A maioria das comidas que comemos é quebrada em partículas de glicose, um tipo de açúcar que fica no sangue. Esta substância é o principal combustívelpara o corpo.
Depois da digestão, a glicose passa para a corrente sanguínea, onde é utilizada pelas células para crescer e produzir energia. No entanto, para que a glicose possa adentrar as células, ela precisa da ajuda de uma outra substância, a insulina. A insulina é um hormônio produzido no pâncreas, uma grande glândula localizada atrás do estômago. Quando nos alimentamos, o pâncreas produzautomaticamente a quantidade certa de insulina necessária para mover a glicose do sangue para as células do corpo. Nas pessoas com diabetes, porém, o pâncreas produz pouca insulina ou então as células não respondem da forma esperada à insulina produzida. Então, a glicose do sangue vai direto para a urina sem que o corpo se aproveite dela. Ou então fica no sangue, aumenta o que se chama de glicemia(concentração de glicose) e também não é aproveitada pelas células. Deste modo, o corpo perde sua principal fonte de combustível, pois há glicose no sangue, mas ela não pode ser jogada fora sem ser utilizada.

2. Tipos existentes de diabetes.Diabetes tipo 1 - deficiência total de insulina. Diabetes tipo 2 - deficiência parcial de insulina e resistência à ação dohormônio, o que impede a retirada da glicose do sangue e sua transferência para o interior das células. Diabetes gestacional.3. Sintomas da diabetes. Sede excessiva, urina abundante, perda importante de peso, apesar de alimentação normal ou em excesso, fraqueza extrema, distúrbios visuais câimbras, coceira vaginal, na mulher, e inflamação da glande, no homem (balanopostite), náuseas e infecções frequentes, Impotência,dificuldade de curar cortes e machucados.

4. Como vive um diabético.
O coração do diabético está nas condições do coração de uma pessoa não diabética, mas que já tenha tido um enfarte. Os diabéticos têm cerca de 4 vezes mais de hipóteses de ter um enfarte ou um AVC do que um não diabético. Assim os diabetes são um fator de risco cardiovascular. Mas o pior é que 8 em cada 10 diabéticos tambémtêm a tensão arterial e as gorduras no sangue (colesterol e/ou trigliceridos) elevadas. Assim, em vez de 1 fator de risco passa a ter logo 3. E se fumar, tem 4. Como a união faz a força, quando estes fatores se juntam são mais fortes e degradam o organismo de uma forma mais severa do que o que fariam se estivessem isolados. Portanto, aumentam o risco cardiovascular e por isso os valoresconsiderados normais são ainda mais baixos. Ainda tem o problema de ter hipoglicemia necessitando assim de ingerir doce. O diabético precisa ainda evitar abusar de: salgados, carnes gordas, e até frutas além do doce. Então, o diabético deve ser acompanhado por um especialista.

5. Informações úteis para o diabético. d uma só vez.
O diabetes pode ser uma doença perigosa e mesmo fatal. Uma das razões é...
tracking img