Design e consumo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1329 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
“(...) hoje os objetos tornarão-se mais complexos que o comportamento do homem a eles relativo” (BAUDRILLARD, 2008, p.62).
Nessa situação é possível perceber que com o passar do tempo o homem se deixou manipular pelos objetos, fazendo nascer dentro de si o desejo de tê-lo, de possuir aquilo que “brilha aos seus olhos”, contudo na maioria das vezes o desejo é apenas pelo valor que aquilorepresenta, não tendo utilidade alguma, mas fazendo com que a pessoa sinta-se valorizado por aquilo que adquiriu, ou seja, status.
A influência é um ponto decisivo no que se refere a consumo. A mídia tem um papel coadjuvante nesse meio, onde o consumidor é levado por um inconsciente a ser submergido pelo desejo de obter o fascínio do seu ego. O objeto de design reflete essa necessidade de “querer”,vindo a se tornar o verdadeiro objeto de desejo e não o próprio objeto. Assim sendo os objetos passam de uma forma funcional para o simbólico dentro de um determinado sistema cultural.
“Somos continuamente remetidos, por meio do discurso psicológico sobre o objeto, a um nível mais coerente, sem relação com o discurso individual ou coletivo, e que seria aquele de uma língua dos objetos.”(BAUDRILLARD, op. Cit., p. 11).
O objeto que outrora, era criado por um design funcional para atender a uma necessidade, hoje é simplesmente um “enfeite de estante”, algo que remete simplesmente a estética, vindo a perder a sua funcionalidade original.
“A coerência do sistema funcional dos objetos advêm do fato que estes (em seus diversos aspectos, cor, forma, etc.) não mais têm valor próprio mas umafunção universal de signos.” (BAUDRILLARD, op. Cit., p.70).
Temos então como exemplo um automóvel, um novo modelo que chegou ao mercado, contrariando a sua principal função, que seria locomoção, ele é desejado pelo seu design. Podemos dizer então, que compramos design.
Em tempos antigos, o design cumpria uma função (forma segue função), onde era usada para um fim, tendo um propósito,funcionalidade. Sua estética era algo secundário, sua durabilidade era a prioridade. Porem atualmente isso mudou, o design veio a ser algo comercial, um fator determinante na decisão da compra do produto, mesmo assim não deixando de ser funcional, porém agora essa questão ficou em segundo plano.
A agregação da palavra design no nome do produto, trás valor ao consumidor, porém, a funcionalidade continua amesma, sendo dessa forma somente maquiada “Design”, o novo. Podemos citar o exemplo da campanha do automóvel da Kia, o Kia Soul, taxado como: “Carro design”, que devido a isso teve um aumento significativo em suas vendas, nos levando a crer que é consumido o design e não o produto em si, o que não altera a sua função dos demais automóveis e sim dando destaque no seu exterior, ou seja, o design nomesmo. Podemos então dizer que o design veio a se tornar um produto comercial, onde o nome design está sendo agregado simplesmente por uma forma de consumo. Mais um bom exemplo seria então, a tal embalagem de bolachas que tem estampada uma imagem do produto com aspecto delicioso, perfeito e totalmente irresistível, ao ponto de ficarmos com água na boca; e quando abrimos o pacote e vemos um pedaço,digamos, que mais parece um pão mofado, ou todo destruído, e quando provamos percebemo-nos que ate o gosto não é assim tão agradável. Assim sendo temos uma banalização do design deixando de ser originalmente funcional, ou seja, a imagem se torna mais real que o próprio objeto.
Voltando um pouco na história, percebemos um design mais funcional voltado mais para atender as necessidades dosconsumidores, na escola da Bauhaus o ensino era voltado para a criação de produtos com ideal do artesanato, ou seja, produtos únicos, já em sua fase posterior começaram a direcionar a criação a objetividade e funcionalidade atendendo as exigências da indústria moderna. Surgi então o conceito, a forma segue a função, ou seja, a forma do produto é feita de acordo com sua função, para aquilo a qual foi...
tracking img