Desenvolvimento sustentavel

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1891 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
C

CURSO: PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU - EM EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NTEGRADA À EDUCAÇÃO BÁSICA NA MODALIDADE DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS- ANO 2009
“ANTES O MUNDO ERA PEQUENO  
PORQUE A TERRA ERA GRANDE.  
HOJE O MUNDO É MUITO GRANDE    
PORQUE A TERRA É PEQUENA”.
                GILBERTO GIL
RESENHA:
ALUNA: ELEMÁRCIA CARVALHO GUIMARÃES DATA : 26 DE MARÇO DE 2010PROFESSORA: LUCIANA
IDENTIFICAÇÃO DA OBRA: “ A CONSTRUÇÃO DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL” SOB A ÉGIDE DO NEOLIBERALISMO: UM ESTUDO SOBRE A ECONOMIA POLÍTICA DA “ CRISE AMBIENTAL”.
AUTOR: LEANDRO DIAS DE OLIVEIRA
Mestre em Geografia pela UERJ, Profº Substituto da UERJ- Faculdade de Formação de Professores e Profº Assistente da FERLAGOS ( Faculdade da Região dos Lagos/ Cabo Frio-RJ).
INTRODUÇÃO:
O texto relata a questão do Desenvolvimento Sustentável , apontando a trajetória da construção deste ideário que objetiva ser consensual , na busca da aproximação entre desenvolvimento e meio ambiente configurada com a Segunda Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, conhecida como ECO-92.
DESENVOLVIMENTO:
Atualmente a questão do DesenvolvimentoSustentável e da crise ambiental é um estigma do novo século, configurando-se como pensamento dominante de nossa época, vinculada à expropriação inadequada dos recursos advindos da natureza e pautada na consolidação de ideal de dominação e superioridade da espécie humana nascendo no âmbito do pensamento da classe dominante, utilizando os pressupostos do conservadorismo juntamente com um ensinamento douniverso econômico de gestão de negócios: o Princípio da Precaução.
Surgiu a idéia de desenvolvimento sustentável em 1987, onde a Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (CMMAD), presidida pela a então primeira-ministra da Noruega, Gro Harlem Brundtland, adotou o conceito de Desenvolvimento Sustentável em seu relatório Our Common Future (Nosso futuro comum), também conhecido comoRelatório Brundtland. O conceito foi definitivamente incorporado como um princípio durante a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, a Cúpula da Terra de 1992 (Eco-92), no Rio de Janeiro.
Em sua essência, o Desenvolvimento Sustentável também busca o equilíbrio entre proteção ambiental e desenvolvimento econômico e serviu como base para a formulação da Agenda 21, com aqual mais de 170 países se comprometeram. A premissa básica do Relatório Brundtlan é: independente da existência de atores sociais implicados na responsabilidade da degradação ambiental, a busca de soluções seria uma tarefa comum a toda humanidade.
É inquestionável que o desenvolvimento Sustentável é uma das faces da moeda ( completada pelo Neoliberalismo Econômico) deste grande processo deadaptação do capitalismo às novas necessidades (baseadas em contradições pretéritas) dos dias atuais.
Para alcançar este Desenvolvimento Sustentável , as políticas tinham que se basear no princípio da precaução,onde as medidas ambientais deveriam prever, evitar e atacar as causas da degradação ambiental.
Afirma S. Schmidheiny que este desenvolvimento sustentável é um sistema de mercado aberto ecompetitivo em que os preços são fixados de forma a refletir os custos dos recursos ambientais e outros, e ainda que os mercados abertos podem motivar as pessoas para o desenvolvimento sustentável.
O consumo mais eficiente de energia, a redução de poluição nas escalas global e local e uso racional de matéria-prima fornecem a chance da criação de novas técnicas mais lucrativas e estimulamtransformações econômicas mais virtuosas.
Compreender o Desenvolvimento Sustentável se desdobra em entender as mediações sociais que fundamentam o próprio significado de Desenvolvimento, pois esta apresenta uma grande complexidade, visto que ela tem suas raízes na dimensão cultural e suas causas na dimensão econômica (relações sociais, produtivas e mercantis) e suas conseqüências na dimensão ecológica...
tracking img