Desafio de contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1628 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ANHANGUERA – UNIDERP

TURMA DE ADMINISTRAÇÃO – 2º SEM

DESAFIO DE APRENDIZAGEM – TEORIA DA CONTABILIDADE







ANÁLISE DE DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS








Professor EAD: Juliana Kirchner/Hugo Santana
Professor Tutor:







2011








ANÁLISE DE DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEISRelatório apresentado ao curso de Administração, Bacharelado da Faculdade da Anhanguera Educacional como requisito parcial para a obtenção da aprovação na grade de Teoria da Contabilidade.
















ACARAÚ-CE

2011



ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS PUBLICADAS



a) Em conformidade com a Lei das Sociedades por Ações, ao fimde cada exercício social, uma entidade deve apresentar, obrigatoriamente, as seguintes demonstrações contábeis:
Balanço patrimonial, Demonstração do Resultado do Exercício, Demonstração de lucros ou prejuízos acumulados ou Demonstração das mutações do patrimônio liquida, Demonstração dos fluxos de caixa e Demonstração do Valor Adicionado.

b) Sim, os Balanços encontram - se estruturado deacordo com as Leis 11.638/07 e Lei 11.941/09. Analisamos o balanço patrimonial das seguintes empresas na área comercial:

Empresa 1: M. Dias Branco S.A. Indústria e Comércio de Alimentos: No balanço desta empresa verificamos que o mesmo encontra adequado à lei 11.941/09, estando estruturado como reza a citada lei.

Empresa 2: No balanço da AMBEV identificamos que o ativo e o passivo estãoclassificados em corrente e não corrente, diferentemente do que é exigido na estrutura atual, que deveria ser circulante e não circulante. No passivo não constam as contas de ajustes de avaliação patrimonial e ações em tesouraria.

Empresa 3: A Grendene apresenta o seu balanço patrimonial conforme a legislação atual, não tendo informado a conta de ações em tesouraria do passivo não circulante.

c)As três empresas analisadas utilizaram as DFC´s estruturadas conforme a proposta na lei 11.638/07, sendo o método indireto utilizado em todas as empresas.

d) O Relatório da Administração da 1ª empresa é omisso sobre o desempenho em relação aos concorrentes. Os Relatórios da 2ª e 3ª empresa trazem todas as informações completas: dados estatísticos diversos, indicadores de produtividade,desenvolvimento tecnológico, a empresa no contexto socioeconômico, políticas diversas: recursos humanos, exportação etc., dados do orçamento de capital, projetos de expansão, desempenho em relação aos concorrentes.

e) Na opinião dos auditores, as demonstrações financeiras da M. Dias Branco S.A. Indústria e Comércio de Alimentos apresentam adequadamente, em todos os aspectos relevantes, a posiçãopatrimonial e financeira de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil. As demonstrações financeiras individuais foram elaboradas de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil. No caso da M. Dias Branco S.A. Indústria e Comércio de Alimentos essas práticas diferem do IFRS, aplicável às demonstrações financeiras separadas, somente no que se refere à avaliação dos investimentos emcontroladas e controladas em conjunto pelo método de equivalência patrimonial, enquanto que para fins de IFRS seria custo ou valor justo; e pela opção pela manutenção do saldo de ativo diferido, existente em 31 de dezembro de 2008, que vem sendo amortizado. No parecer dos auditores, as demonstrações contábeis individuais da Ambev foram elaboradas de acordo com as práticas contábeis adotadas noBrasil. No caso da Companhia, essas práticas diferem do IFRS, aplicável às demonstrações contábeis separadas, somente no que se refere à avaliação dos investimentos em controladas, coligadas e controladas em conjunto pelo método de equivalência patrimonial, uma vez que para fins de IFRS seria custo ou valor justo. Para os auditores da Grendene, as demonstrações financeiras consolidadas apresentam...
tracking img