Curso cudadores alzheimer

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2102 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
TERMO DE REFERÊNCIA
CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA
CUIDADORES FAMILARES DE PORTADORES DE ALZHEIMER


META
Promover a formação de 40 (QUARENTA) Cuidadores Familiares de Portadores de Alzheimer para atuarem em Balneário Camboriú.

CONSIDERAÇÕES INICIAIS
O Curso de Capacitação de Cuidadores Familiares de Portadores de Alzheimer é um conjunto de atividades teóricas e práticas inter emultidisciplinares que envolve a capacitação e qualificação de cuidadores geriátricos para realizarem cuidados com pacientes portadores de Alzheimer de sua própria família.

JUSTIFICATIVA
Na atualidade, verifica-se o vertiginoso crescimento do segmento etário dos idosos ,o IBGE constatou aumento de 35% no número de habilitantes da população brasileira com sessenta anos ou mais em comparação com osoutros grupos etários entre os anos de 1991 e 2000, e estima que em 2020 13% da população tenha 60 anos ou mais. Concomitantemente, emerge a preocupação relacionada às debilidades oriundas do processo de envelhecimento, como também a busca pela promoção da qualidade de vida e atenção integral à saúde do idoso mediante formulação de ações que visem à prevenção e reabilitação das capacidadesfuncionais desta camada populacional (MINISTÉRIO DA SAÚDE, 2003; IBGE, 2002).
O envelhecimento relaciona-se não somente à passagem do tempo, mas ao aparecimento de uma série de eventos biológicos no decorrer do mesmo, os quais influenciam fortemente a sobrevivência e a longevidade, bem como engloba fatores fisiológicos, sócio culturais, intelectuais, psicoemocionais, econômicos e funcionais,influenciando e sendo influenciado pelo estilo de vida, hábitos, lazer e atividade física, e suas alterações podem resultar em senescência ou senilidade (AVERSI-FERREIRA, RODRIGUES, PAIVA, 2008; CARDOSO, MAZO,JAPIASSÚ, 2008; LENT, 2004; MEDEIROS, 2001).
A senescência refere-se ao envelhecimento natural, normal ou saudável, caracterizada pela ocorrência de diminuição da capacidade de reparação biológica emresultado à interação complexa dos fatores genéticos, metabólicos, hormonais, imunológicos e estruturais, em nível
molecular, celulare, histológico e orgânico. Por sua vez, a senilidade faz menção ao envelhecimento patológico consequente a alterações por afecções, debilidade ou deterioração do corpo e/ou da mente, como percebido nas doenças neurodegenerativas, tais como as demências e,em especial,a Doença de Alzheimer, as quais vêm aumentando sua incidência conforme aumenta a expectativa de vida das pessoas (LOPEZ, 2009; AVERSI-FERREIRA, RODRIGUES, PAIVA,2008).
A ocorrência dessas patologias resulta em quadro clínico com comprometimento das capacidades cognitivas, motoras e sensitivas, as quais afetam a capacidade do indivíduo de interagir com seu meio social e familiar, bem como lidarcom suas demandas pessoas de autocuidado, entre outras consequências resultantes do declínio no desempenho das funções(DOHERTY et al., 2003; SHEPHARD, 2003; CANÇADO, HORTA, 2002; VARGAS, 2001;CARVALHO FILHO; PAPALÉO NETO, 2000; BORGE, HERNÁDEZ, EGEA, 1999;OLIVEIRA, FURTADO, 1999; MORA, PORRAS, 1998; HAYFLICK, 1997; KARUZA, 1997;
LEXELL, 1997).
Por sua vez, esse declínio pode resultar em perda daautonomia, ou, grau de livre escolha e capacidade para escolher, tomar decisões e controlar a própria vida pessoal, bem como de independência, isto é, capacidade e desempenho das tarefas requeridas para a manutenção da saúde, sem auxílio de outras pessoas ou objeto(s) (LÓPEZ, 2001). A perda da capacidade de cuidar das próprias necessidades pessoais e de administrar o ambiente pode resultar emperda da autoestima e profundo senso de dependência, sendo os papéis familiares também abalados,exigindo que o parceiro, filhos ou cuidadores assumam a função de responsáveis pelos cuidados de quem perdeu a capacidade de desempenhar independentemente as atividades de vida diária(PEDRETTI, EARLY, 2005).
Em 2006, o número de portadores de Alzheimer diagnosticados era de cerca de 15 milhões de pessoas...
tracking img