Criptografia ssl

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2364 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FAVI – ASSOCIAÇÃO VITORIANA DE ENSINO SUPERIOR
APS – ATIVIDADES PRATICAS SUPERVISIONADAS

ALAN SENA
ADELON FERNANDES DA SILVA
JOÃO PAULO MIRANDA COTA
RAIONE ALVES
WEVERTON DOS SANTOS NUNES

CRIPTOGRAFIA SSL – 2011/2

VITÓRIA
2011
ALAN SENA
ADELON FERNANDES DA SILVA
JOÃO PAULO MIRANDA COTA
RAIONE ALVES
WEVERTON DOS SANTOS NUNES

CRIPTOGRAFIA SSL – 2011/2Trabalho Acadêmico apresentado à disciplina de APS (Atividades Práticas Supervisionadas) da FAVI do curso de Sistemas de Informação, turno: noturno, como nota da disciplina.
Avaliador: Professor e Coordenador do Curso de Sistemas de Informação Walber Beltrame.

VITÓRIA
2011

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 4

2 CRIPTOGRAFIA 5
2.1 CHAVE SIMÉTRICA 62.2 CHAVE ASSIMÉTRICA 7

3 CRIPTOGRAFIA SSL 8
3.1 O FUNCIONAMENTO DA VERSÃO 2.0 DO SSL 9
3.2 FALHAS DA VERSÃO 2.0 DO SSL 10
3.3 APLICAÇÕES DO SSL 11
3.4 VERSÃO 1.0, 2.0 E 3.0 12
3.5 VERSÃO 3.1 12
3.6 VERSÃO 3.2 13
3.7 VERSÃO 3.3 13

7 CONCLUSÃO 14

8 REFERÊNCIAS 15

INTRODUÇÃO

|[pic] |

A necessidade de enviar e/ou receberinformações de forma sigilosa já é uma prática usada há muito tempo, porem hoje na era da informática essa prática continua bem acentuada; mensagem ou arquivos importantes podem ser trocadas com toda segurança devido a uma tecnologia chamada criptografia, que alem de propiciar segurança, graças a internet as informações podem chegar ao seu destino mais rápido.

2 CRIPTOGRAFIA

A palavracriptografia surgiu da fusão das palavras gregas "kryptós" e "gráphein", que significa "oculto" e "escrever", respectivamente. Trata-se de um conjunto de conceitos e técnicas que visam codificar uma informação de forma que somente o emissor e o receptor possam acessá-la, evitando que um intruso consiga interpretá-la. Para isso, uma série de técnicas é usada e muitas outras surgem com o passar do tempo.Refere-se a um conjunto de bits baseado em algoritmo capaz de tornar o arquivo legível e/ou ilegível. O tamanho das chaves é determinado por bits, quanto maior o número de bits maior a segurança na criptografia. Imagine um algoritmo que use chaves de 8 bits, isso faz com que apenas 256 chaves possam ser usadas já que 2 elevado a 8 é igual a 256, embora uma pessoa demore a fazer essas combinações éclaramente uma chave insegura, agora imagine um algoritmo que use 128 bits ou mais para criar chaves, é um número bem grande de combinações, tornando o arquivo criptografo mais protegido.

[pic]

2.1 CHAVE SIMÉTRICA

É um tipo de chave mais simples (Emissor e receptor utilizam a mesma chave para codificar e decodificar a informação), abaixo temos alguns tipos de algoritmos que usam chavessimétricas.

• DES (Data Encryption Standard).
• IDEA (International Data Encryption Algorithm).
• RC (Ron’s Code ou Rivest Cipher).

A chave simétrica não é recomendada para documentos onde a informação é muito valiosa.

[pic]
Criptografia Simétrica: Codificação
[pic]
Criptografia Simétrica: Decodificação

2.2 CHAVE ASSIMÉTRICA

As chaves assimétricas trabalham com duas chaves, sendouma pública e outra privada.

• Emissor deve criar uma chave de codificação, essa será enviada para o receptor – Chave Pública.
• Emissor deve criar uma chave para decodificação, essa chave é secreta – Chave Privada.

Abaixo temos alguns tipos de algoritmos que usam chaves assimétricas:

• RSA (Rivest, Shamir and Adleman)
• ElGamal

[pic]
Criptografia Assimétrica: Codificação. Uma chaveé utilizada para codificar, e outra chave para decodificar

[pic]
Criptografia Assimétrica: Decodificação. Uma chave é utilizada para codificar, e outra chave para decodificar
3 CRIPTOGRAFIA SSL

A SSL (Secure Sockets Layers, que poderia traduzir-se por Camada de Sockets Protegida) é um método de segurança das transações efetuadas via Internet. O Standard SSL foi criado pela Netscape, em...
tracking img