Controle interno no terceiro setor

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3795 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O CONTROLE INTERNO COMO INSTRUMENTO DE GESTÃO PARA AS ENTIDADES DO TERCEIRO SETOR. Maria Eterna da Silva Abreu∗ RESUMO As entidades do terceiro setor assumem, cada vez mais, um papel importante no cenário socioeconômico na sociedade brasileira. Em face às dificuldades sociais, as iniciativas voluntárias têm beneficiado vários segmentos sociais com grandes carências e têm como objetivo odesenvolvimento político, econômico, social e cultural. A transparência dos recursos recebidos e a prestação de contas destas entidades são uma obrigatoriedade perante seus parceiros, mantenedores e sociedade, o que garante uma atuação transparente e a continuidade das suas atividades. A proposta deste trabalho é demonstrar a importância do controle interno como instrumento gerencial para assegurar afidedignidade e integridade das informações. O objetivo é salientar a necessidade e compreensão sobre a importância de uma gestão eficiente destas entidades. A metodologia utilizada foi a pesquisa bibliográfica, através de material acessível ao público em geral como livros, periódicos, boletins informativos, monografias, sites e artigos já publicados, relacionados com a área administrativa e financeirade entidades do terceiro setor. Palavras-chave: Terceiro setor, contabilidade, controle interno.

∗ Bacharel em Ciências Contábeis – Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais Pós-Graduanda em Gestão Estratégica de Empreendimentos Sociais – Centro Universitário Izabela Hendrix

1

INTRODUÇÃO

O surgimento do terceiro setor pode ser verificado pela complexidade do mundo atual em quepredomina a ineficiência organizacional pública e privada, o compromisso com o desenvolvimento econômico socialmente sustentável demanda competências robustas e flexíveis. Desta forma, as entidades do terceiro setor procuram desenvolver estratégias de sustentabilidade e crescimento. Um dos principais desafios está no campo da gestão, enquanto algumas já apresentem resultados significativos,outras ainda são caracterizadas pela falta de foco e de compromisso com resultados mensuráveis e efetivos. O objetivo deste artigo é salientar a necessidade de ampliar a compreensão sobre a importância de uma gestão eficiente, proporcionando transparência no gerenciamento e aplicação das verbas recebidas, no sentido de fiscalizar, controlar e avaliar o seu patrimônio, que pertence à coletividade. Comoum sistema de informações, a contabilidade possibilita aos seus usuários a avaliação, através de demonstrações de natureza econômica e financeira, devidamente estruturadas dos atos e fatos que organizam e controlam as atividades das entidades. A elaboração de controles internos é um facilitador para a gestão, previne erros, irregularidades e ineficiência no processo de gestão, assegura afidelidade e integridade dos registros, demonstrações, informações e relatórios contábeis, bem como orienta a organização estrutural e funcional. O controle interno compreende um conjunto integrado de métodos e procedimentos voltado para o aperfeiçoamento da organização e segurança do patrimônio para assegurar que os objetivos sejam atingidos. O controle interno é de caráter preventivo, deve ser utilizadocomo instrumento auxiliar de gestão tornando-a mais eficaz e eficiente. A sobrevivência da maioria das entidades do terceiro setor passa hoje pela necessidade de se questionar, modificar e implementar modelos de gestão que possibilitem-nas adquirir flexibilidade, agilidade e dinamismo necessário para o sucesso de suas ações. Implica definir bem a sua missão, estabelecendo objetivos e metas clarase mensuráveis.
2

1. TERCEIRO SETOR

Os conceitos do terceiro setor e seus contornos ainda não estão muito bem definidos. A heterogeneidade das entidades que compõem o chamado “terceiro setor” contribui para a indefinição do conceito, que abrange instituições dos mais variados tipos, tamanhos e finalidades (sindicatos, associações, fundações, partidos, organizações não governamentais,...
tracking img