Contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6091 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO
1 INTRODUÇÃO 3

2 ROTINAS TRABALHISTAS 4
2.1 CONTRIBUIÇÃO SINDICAL 4
2.2 DESCONTO DE INSS E IRPF DOS EMPREGADOS 4
2.2.1 Desconto de INSS 4
2.2.2 Desconto de IRPF 5
2.2.2.1 Como se calcula o Imposto de Renda 5
2.3 FALTAS 6
2.4 HORA EXTRA 6
2.5 PAGAMENTO E DESCONTO DE RSR 7
2.6 ENCARGOS SOCIAIS 7
2.6.1 INSS parte da empresa 7
2.6.2 Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS)8

3 DIFERENÇAS INDIVIDUAIS 9
3.1 O QUE É LIDERENÇA? 9
3.2 O QUE É MOTIVAÇÃO? 9
3.3 TORIA DAS NECESSIDADES DE MASLOW 10
3.3.1 Tipos de Necessidades 11
3.4 TEORIA DOS DOIS FATORES DE HERSBERG 12
3.5 QUAL A DIFERENÇA ENTRE GRUPOS E EQUIPES? 13

4 PROCESSO CONTÁBIL 14
4.1 PROCESSO DE ABERTURA DE UMA EMPRESA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS 14
4.2 MODELO CONTRATO SOCIAL 15
4.3 PROCEDIMENTOS PARAABERTURA DE EMPRESa 18

5 JUROS 19
5.1 CAPITALIZAÇÃO SIMPLES 19
5.1.1 Calculo dos Juros 19
5.1.2 Exemplo de Aplicação 19
5.2 CAPITALIZAÇÃO COMPOSTA 20
5.2.1 Juros Compostos 21
5.2.2 Fórmulas 21
5.2.3 Exemplos 22

6 ANÁLISE MERCADOLÓGICA REGIONAL 23
6.1 ANÁLISE DE MERCADO 23
6.2 DEMANDA, OFERTA E EQUILÍBRIO DE MERCADO 23
6.3 ESTRUTURAS DE MERCADO 24

7 CONCLUSÃO 25

REFERÊNCIAS 261 INTRODUÇÃO
O presente estudo tem como objetivo demonstrar as rotinas trabalhistas necessárias para elaboração de uma folha de pagamento, passando pelas exigências formais e legais da admissão e pelos cálculos.
Vamos abordar fatores que influenciam o comportamento das pessoas no ambiente organizacional. Falaremos dos juros e suas formas de capitalizações, conceitos, diferenças e exemploscom demonstrações. Descreveremos o processo de abertura de uma empresa, seus procedimentos e modelos de contratos.
Por fim o estudo abordara a microeconomia que é a base da moderna teoria econômica, sua funcionalidade analisando os fatores que influenciam o nível de tomadas de decisões.




2 ROTINAS TRABALHISTAS
2.1 CONTRIBUIÇÃO SINDICAL
É devida pelo empregado a contribuição de 01 dia detrabalho no exercício anual de sua atividade, normalmente ocorre o desconto em março de cada ano, porém caso não tenha sido descontada deverá ser feita no mês seguinte à admissão.
2.2 DESCONTO DE INSS E IRPF DOS EMPREGADOS
2.2.1 Desconto de INSS
Todo empregado sofre com a contribuição compulsória instituída pelo sistema previdenciário do Brasil, segue escalonamento com base na tabela divulgadapela Previdência Social. Sua base de cálculo depende do evento que comporá a remuneração. O valor descontado é recolhido aos cofres públicos da União, através da guia GPS, no dia 20 do mês seguinte de referência da folha de pagamento.
Segue a tabela de descontos do INSS no atual momento.

Fonte: Ministério do Trabalho
2.2.2 Desconto de IRPF
Desconto compulsóriodeterminado pelo Governo sobre o rendimento assalariado depende do evento pago no recibo de pagamento; após o desconto, o valor é recolhido aos cofres públicos da União no dia 20 do mês seguinte de referência da folha de pagamento, através da guia DARF.
2.2.2.1 Como se calcula o Imposto de Renda
O cálculo de imposto de renda é baseado na somatória dos rendimentos salariais do empregado. Essesrendimentos salariais são o salário, as horas extras, adicional noturno, adicional insalubridade, entre outros. Após o somatório, para dar continuidade ao cálculo, devem-se deduzir os descontos ou abatimentos que a legislação autoriza, e dentre eles temos: INSS, Dependentes, entre outros. Quando se conclui essa conta, o resultado é um valor que passa a se chamar Base de Cálculo Mensal, após a apuraçãoaplica-se a alíquota na qual o resultado se encontra e deduz a parcela de desconto permitida.

Segue a tabela do imposto de renda no atual momento.

Base de Cálculo(R$) Alíquota(%) Parcela a Deduzir do IR (R$)
Até 1.637,11 0,00% 0,00
De 1.637,12 até 2.453,50 7,50% 122,78
De 2.453,51 até 3.271,38 15,00% 306,80
De 3.271,39 até 4.087,65 22,50% 552,15
Acima de 4.087,65 27,50% 756,53
Dedução...
tracking img