Conhecimento cientifico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2109 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CONHECIMENTO CIENTÍFICO

“... O espirito cientifico é essencialmente uma retificação do saber, um alargamento dos quadros do conhecimento. Julga seu passado histórico, condenando-o. Sua estrutura é a consciência de suas faltas históricas.
Cientificamente, pensa-se o verdadeiro como retificação histórica de um longo erro, pensa-se experiencia como a retificação da ilusão comum e primeira.Toda a vida intelectual da ciência move-se dialeticamente sobre este diferencial do reconhecimento, na fronteira do desconhecido. A própria essência da reflexão, é compreender que não se compreendera” (BACHELARD.1968, p . 147-148) .

CLASSIFICAÇÃO DE CONHECIMENTO :

- Mítico, ordinário, artístico, filosófico, religioso e cientifico .

- Os mais comuns são conhecimento dosenso comum e o científico .

Senso comum :

Utilizado para interpretar, a si mesmo e o mundo, também chamado de ordinário comum ou empírico .

-Solução de problemas imediatos e espontaneidade :

→ Surge com a necessidade de resolver problemas mais imediatos, que surge através do contato com fenômenos do dia – a – dia, percebidos principalmente através da “percepção sensorial” .

→ Ohomem evoluiu naturalmente buscando soluções para seus problemas .

Ex:Pré-historia, nas cavernas .

→ Não programado ou planejado, desenvolve-se com o tempo .

→ Esse conhecimento é na maioria das vezes vivencial, por isso, ametódico .

-Caráter utilitarista:

→ No senso comum, se utilizam conhecimentos que funcionam para cada determinada situação, apesar de não compreender, oudesconhecer a explicação de seu “sucesso” .

Ex: Ervas medicinais,... as vezes as pessoas sabem que uma determinada erva é boa para aquilo, mais não sabem o porque de ela ser boa, ou até mesmo, se tem algum efeito colateral. As pessoas sabem que “faz bem” .

→ Ou seja, as pessoas sabem que isso é bom, mais não tem um conhecimento amplo para dizer que aquilo é realmente bom .-Subjetividade e baixo poder de crítica:

→ O conhecimento do senso comum tem uma objetividade muito superficial e limitada por estar demasiadamente preso à vivencia, à ação e à percepção orientadas pelo interesse prático imediatista e pelas crenças pessoais .

→ Essas interpretações do senso comum são pré-determinadas pelos interesses,crenças, convicções pessoais e explicações e informações produzidastenham um forte vínculo subjetivo que estabelece relações vagas e superficiais com a realidade. Dessa forma não se consegue sistematicamente buscar provas e evidências que as testem criticamente. [ motivo esse que o torna inseguro por ser baseado somente em crenças pessoais ] .

-Linguagem vaga e baixo poder de crítica:

→ A linguagem utilizada no senso comum contém termos e conceitosvagos,que não delimitam a classe de coisas,idéias ou eventos designados e não designado por eles, ou o oque é incluído ou excluído na sua significação .

→ A significação dos conceitos, no senso comum, é produto de um uso individual, e subjetivo espontâneo, que se enriquece e se modifica gradualmente em função da convivência num determinado grupo .

→ A significação dos termos fica dependente douso do contexto, do nível cultural, e da intenção significativa de quem os utiliza .

Exemplo : a palavra marginal .
Pode ser utilizada em varias sentidos, marginal de criminoso,vagabundo que não trabalha, ladrão e etc .
Conforme a conotação em que ela esta, ela adquiri um sentido diferente .

→ Essa falta de especificação dificulta a delimitação dos conceitos que faz com que amanifestação dos fatos não fiquem com uma certa clareza .

Exemplo : Uma afirmação “a água quando esfriada suficientemente, se torna sólida”.
A água é uma palavra com amplos significados, e nessa frase dependo do contexto pode ser agua da chuva, mar, rios, etc, o mesmo ocorre no “suficientemente” quanto é esse suficiente?? .

10° ?? 0°?? 50°?? -20° ??.

→ A ausência de um acordo,não permite...
tracking img