Citologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2450 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
BIOLOGIA



COLÉGIO ESTADUAL DIVINO PAI ETERNO
TRINDADE 23 DE MAIO DE 2011.
PROFº:......................................
ALUNO:........................................... N°:
SERIE 2° ANO “O” SALA 08




JOVENS EM RISCO



MUITOS MOTIVOS LEVAM JOVENS A TEREM UMA VIDA EM RISCO, COMO:VIOLÊNCIA NO TRÂNSITO,
USO DE DROGAS, DESAJUSTES FAMILIARES, SUICIDIO, DESEMPREGO, DOENÇAS COMO AIDS E DST.

MUITOS JOVENS LEVAM VIDAS EM RISCO NA MAIORIA DAS VEZES POR NÃO TEREM OPORTUNIDADE OU POR TEREM INFLUÊNCIA DE “AMIGOS”, OU POR TEREM PROBLEMAS FINANCEIROS, FAMILIARES OU ESCOLARES. E ACABAM CONHECENDO UM MUNDO NO QUAL NÃO GOSTARIAM DE ENTRAR.


















DESAJUSTESFAMILIARES:


Os desajustes familiares, problemas financeiros no lar e o uso de drogas acentuam a violência juvenil, sendo dessa forma os principais responsáveis pela transformação de crianças em adolescentes infratores.
O promotor lembra que apesar de terem situações específicas e nem dados precisos, a maioria dos problemas é causada pelos pais e mães não cumprirem seu papel social e a famílianão dispor de recursos financeiros.
Segundo estatísticas, dos crimes e delitos registrados a cada ano no Brasil, 10% são cometidos por adolescentes. Essas práticas são definidas pela lei como atos inflacionais, onde são aplicadas medidas sócio-educativas.
O desajuste familiar é a causa primeira para o envolvimento com as drogas, a falta de Deus na vida é a causa-mãe de todo o problema. Quando apessoa tem a presença de Deus em sua vida, sente força e energia interior, para fazer frente ao vício, encarado como pecado, como ofensa a Deus. Conhecemos inúmeros casos de jovens, filhos de pais separados, viciados, e até drogados, que não querem nada com o tóxico. Eles aceitaram a Cristo como seu salvador e foram libertos dos traumas familiares, e passam a ver situação do ponto de vistaespiritual, reconhecendo que o mal é causado pelo Adversário de suas almas, e passam a enfrentar o problema de frente, sem medo e sem fraqueza.
Assim, dente as causas mais importantes que contribuem para que os jovens se envolvam com as drogas, ressaltamos que o desajuste familiar a falta de Deus na vida são as que mais concorrem para que vidas sejam destruídas. Não adiantam campanhas de educação,campanhas publicitárias dos governos, visando prevenir o problema. Na realidade elas apenas atacam os efeitos. As causas precisam ser analisadas e tratadas com realismo e coragem. A família precisa ser valorizada.






VIOLÊNCIA NO TRÂNSITO:


Para se ter uma dimensão da questão, a Organização Mundial da Saúde-OMS, indicou a ocorrência de 1,2 milhões de mortes por acidente de trânsito nomundo, com mais de 50 milhões pessoas feridas no ano de 2004. Aparentemente, pode parecer somente estatística ou não representar muito para o leitor, mas constitui a principal causa de mortes entre os homens na faixa etária entre os 15 e 44 anos. Não se assuste, é isso mesmo, para esse grupo é mais provável morrer de acidente de trânsito do que de câncer, AIDS, problemas cardíacos ou de outrasformas de violência como o homicídio.
Existe divergência entre os especialistas a respeito das principais causas dos acidentes de trânsito, no entanto há certo consenso no sentido de que o uso de álcool e a velocidade excessiva são fatores mais importantes.
Efeitos colaterais:

Número de feridos: em torno de 300.00/ano,
Número de Mortes: em torno de 30.000 /ano,
Número de Acidentes: em torno de350.000 / ano.
As mortes provocam:

Viuvez;

Orfandade;

Desestabilização familiar: financeira,saúde e mental.





Os Feridos podem evoluir para:

Deficientes Físicos:

Paralíticos,

Deficientes sensoriais(cegos,surdos,mudos,etc.);

Mutilados;

Transtornos odontológicos;

Retardos mentais (mais ou menos graves);

Deformações estéticas.

Transtornos Mentais:...
tracking img