Cinema

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4741 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO

Hoje em dia, o cinema baseia-se em projeções públicas de imagens animadas. Mas essa diversão, distração e entretenimento, como pode ser classificado por muitos, nasceu de várias inovações que vão desde o domínio fotográfico até a síntese do movimento utilizando a persistência da visão com a invenção de jogos ópticos.
Dentre os jogos óticos inventados vale a penadestacar o thaumatrópio (inventado por William Fitton), fenacistoscópio (inventado por Joseph-Antoine Ferdinand Plateau), zootropo (inventado por Will George Horner) e praxinoscópio ( inventado por Emily Reynaud).
Pequenos documentários e ficções são os primeiros gêneros do cinema. A linguagem cinematográfica se desenvolve, criando estruturas narrativas. Na França, na primeira década doséculo XX, são filmadas peças de teatro.
Em 1913 surge com Max Linder – que mais tarde inspiraria Chaplin , o primeiro tipo cômico e, com o Fantômas, de Louis Feuillade, o primeiro seriado policial.
A produção de comédias se intensifica nos Estados Unidos e chega à Inglaterra e Rússia. Na Itália, Giovanni Pastrone realiza superproduções épicas e históricas, como Cabíria, de 1914.França, Inglaterra, Itália, Estados Unidos, são alguns dos países pioneiros na descoberta e uso do cinema.














2. CONCEITO
A origem do nome "cinema" vem do fato de que o cinematógrafo, historicamente, foi o primeiro equipamento utilizado para o registro e exibição de filmes. Por metonímia, a palavra também pode se referir à sala de espetáculos onde são projetadasobras cinematográficas.
O cinema inclui a técnica de projetar imagens para criar a impressão de movimento, bem como uma arte e a indústria cinematográfica. As obras cinematográficas (mais conhecidas como filmes) são produzidas através da gravação de imagens do mundo com câmeras, ou pela criação de imagens utilizando técnicas de animação ou efeitos visuais.
Os filmes são feitos de umasérie de imagens individuais chamadas fotogramas. Quando essas imagens são projetadas de forma rápida e sucessiva, o espectador tem a ilusão de que está ocorrendo movimento. A cintilação entre os fotogramas não é percebida devido a um efeito conhecido como persistência da visão, pelo qual o olho humano retém uma imagem durante uma fração de segundo após a fonte ter sido removida. Os espectadorestêm a ilusão de movimento devido a um efeito psicológico chamado movimento beta.


3. HISTÓRICO
A invenção da fotografia, e sobretudo a da fotografia animada, foram momentos cruciais para o desenvolvimento não só das artes como da ciência, em particular no campo da antropologia visual.
O cinema é possível, graças à invenção do cinematógrafo pelos Irmãos Lumière no fim do séculoXIX. Em 28 de dezembro de 1895, no subterrâneo do Grand Café, em Paris, eles realizaram a primeira exibição pública e paga de cinema: uma série de dez filmes, com duração de 40 a 50 segundos cada, já que os rolos de película tinham quinze metros de comprimento. Os filmes até hoje mais conhecidos desta primeira sessão chamavam-se "A saída dos operários da Fábrica Lumière" e "A chegada do trem àEstação Ciotat", cujos títulos exprimem bem o conteúdo. Apesar de também existirem registros de projeções um pouco anteriores a outros inventores (como os irmãos Max e Emil Skladanowsky na Alemanha), a sessão dos Lumiére é aceita pela maciça maioria da literatura cinematográfica como o marco inicial da nova arte. O cinema expandiu-se, a partir de então, por toda a França, Europa e Estados Unidos, atravésde cinegrafistas enviados pelos irmãos Lumière, para captar imagens de vários países.
Nesta mesma época, um mágico ilusionista chamado Georges Méliès, que comandava um teatro nas vizinhanças do local da primeira exibição mencionada, quis comprar um cinematógrafo, para utilizá-lo em seus números de mágica. No entanto, os Lumière não quiseram vender-lhe, e o pai dos irmãos inventores...
tracking img