Ciencias politicas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (661 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Disciplina: Introdução à Ciência Política.


1) Por que é importante estudar as teorias políticas? Que relação elas têm com a prática?


É , importante estudar as teorias políticas, vistoque uma boa teoria não se desliga da prática, pois ela antecede a ação e a orienta, o que significa que ela é importante para a ação, por isso é importante estudar clássicos para encaminhar comoeles perceberam os problemas do seu tempo, o que nos auxiliará na interpretação do presente. A pratica nasce da teoria, no entanto uma prática efetiva obriga a rever, aperfeiçoar ou até alterar ateórica.


2) Faça um esquema comparativo (semelhanças e diferenças) entre a política grega e a medieval?


A política medieval é semelhante á grega quando busca definir as virtudes de um reijusto e bom. Porem se difere da política grega pois esta mais voltada para os ideias religiosos, a idade média tem como característica fundamental a influencia da igreja católica, enquanto na antiguidadegrego-romana a política não sofre ingerências religiosas.

3) No século VI o papa Gregório Magno escreve em carta a um imperador. “O poder sobre todos os homens foi dado no Ato aos meus senhorespara ajudar aqueles que querem fazer o bem, para abrir mais o caminho que conduz ao Céu, para que o reino terreno fique ao serviço do reino dos Céus”.


A relegião tem grande influência napolítica medieval as teorias políticas na Idade Media enfatizam a supremacia do poder espiritual sobre o poder temporal e por isso toda a ação política se acha atrelada a ordem moralista. A políticaMedieval tinha como fundamental característica a influencia da igreja católica.


Analise esse trecho indicando como se estabelece no pensamento político medieval a relação política e religião.


4)“Os males não cessarão para os humanos antes que a raça dos puros e autênticos filósofos chegue ao poder, ou antes que os chefes das cidades, por uma divina graça, se não ponham a filosofar...
tracking img