Ciencia contabeis

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2397 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE NORTE DO PARANÁ
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO

CLEODIRCE PADILHA GUILHERME

CIÊNCIAS CONTÁBEIS E SEUS ASPECTOS CONCEITUAIS INTERDISCIPLINARES

CURITIBA
2012
CLEORDICE PADILHA GUILHERME

CIÊNCIAS CONTÁBEIS E SEUS ASPECTOS CONCEITUAIS INTERDISCIPLINARES

Trabalho apresentado como requisito referente ao Seminário 1 – 2º semestre do curso de Ciências Contábeis daUniversidade Norte do Paraná - UNOPAR

Prof.Tutora: Luiza

CURITIBA
2012
SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 04

2 ROTINAS TRABALHISTAS 05

3 DIFERENÇAS INDIVIDUAIS 07

4 PROCESSO CONTÁBIL 09

5 JUROS 11

6 ANÁLISE MERCADOLÓGICA REGIONAL 12

6.1 ANÁLISE DE MERCADO

6.2 DEMANDA ,OFERTA EEQUILÍBIRO DE MERCADO

6.2 ESTRUTURA DE MERCADO

REFERÊNCIAS 13
1 INTRODUÇÃO

1.Obrigatoriedade
A folha de pagamento é um documento de emissão obrigatória , nos termos do Art. 225 do Decreto 3048 de 06 de maio de 1999, para efeito de fiscalização trabalhista e previdenciária.
Para sua elaboração passou a ser exigida uma padronização nos termos do Parágrafo 9ªdo Art. 225 do Decreto 3049/99.
Os empregados contratados por prazo determinado e indeterminados, para efeitos previdenciários e trabalhistas, devem ser discriminados em separado, em folha de pagamento distinta.
A empresa é, também, obrigada a preparar folha de pagamento da remuneração paga ou creditada a todas as pessoas físicas que prestem serviços sem vínculo empregatício tais comotrabalhador avulso, autônomo e equiparado e empresário, relacionados coletivamente por estabelecimento da empresa, por obra de construção civil, e indicação de seu registro no caso de trabalhador avulso.
2. Salário e Remuneração
Salário é a contraprestação devida ao empregado pela prestação de serviços, em decorrência do contrato de trabalho.
Remuneração é a soma do salário contratualmenteestipulado (mensal, por hora, por tarefa etc.), com outras vantagens percebidas na vigência do contrato trabalho.
Assim, integram a remuneração, além da importância fixa e estipulada, as comissões, percentagens, gratificações ajustadas, diárias para viagem (excedentes de 50% do salário) e abonos pagos pelo empregador.
2.1 Discriminação das Verbas
A remuneração paga ao empregado deverá discriminartodas as verbas que a compõem, ou seja, salário, horas extras, adicional noturno, adicional de periculosidade, insalubridade, considerando que a legislação trabalhista proíbe o chamado salário complessivo, isto é, aquele que engloba vários direitos legais ou contratuais do empregado. Nesse sentido, manifestou-se o Tribunal Superior do Trabalho, através do Enunciado nº 91 :
"Nula é a cláusulacontratual que fixa determinada importância ou percentagem para atender englobadamente vários direitos legais ou contratuais do trabalhador."
Assim, ao elaborar a folha de pagamento, devem-se destacar as verbas pagas, discriminando-as uma a uma.
2.2 Horas Extras
Se o empregado trabalhar em horas suplementares, através de acordo de prorrogação de horas, as mesmas serão pagas com adicional de 50%sobre o valor da hora normal, conforme o disposto no art. 7o , inciso XVI da Constituição Federal.
Ressalvamos a possibilidade da existência de percentual superior ao fixado pela CF, através de contrato, acordo ou convenção coletiva.
Cálculo da Hora Extra:
- Salário- hora normal = R$ 5,00
- Adicional de hora extra = R$ 5,00 x 50% = R$ 2,50
- Valor da hora extra = R$ 5,00 + R$ 2,50 = R$7,50
2.3 Adicional Noturno
O empregado que trabalhar no período noturno, ou seja, aquele compreendido entre às 22:00 horas de dia e às 5:00 horas do dia seguinte, fará jus ao adicional de 20% sobre o salário- hora diurno.
A hora do trabalho noturno é de 52 minutos e 30 segundos.
Portanto, se o empregado trabalha das 22:00 horas às 5:00, terá de efetivo trabalho 7 horas normais, ou seja, de...
tracking img