Caso concreto direito civil 1

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (901 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 ATIVIDADE - CASO PRÁTICO João, representante comercial, estava conduzindo regularmente seu veículo, acompanhado de seu filho, Lucas, de 5 anos, no banco de trás. Carlos, bastante embriagado,dirigia no sentido oposto da via, em velocidade consideravelmente superior à permitida no trecho, vindo a colidir com o veículo de João. Carlos sofreu somente escoriações leves. Lucas faleceu ainda nolocal, logo após o acidente. João, a seu turno, foi alvo de graves lesões por todo o corpo. Marcos, médico socorrista inexperiente, cansado de sua rotina de trabalho e diante da seriedade dos danos sobre amão esquerda de João, decidiu, em um ímpeto, amputá-la, por estar apressado e considerar que o procedimento seria mais rápido do que a realização das manobras necessárias ao adequado tratamento deurgência e imobilização da região. Posterior análise pericial constatou o flagrante erro médico na ação, sendo que, atualmente, Marcos sofre procedimento disciplinar perante o órgão fiscalizador de suacategoria. O tratamento de João prolongou-se por vários meses e, a despeito da utilização dos mais avançados recursos cirúrgicos e clínicos, restaram sequelas em seu rosto, hoje bastante deformado, eem sua perna direita, cuja mobilidade foi comprometida em cerca de 20%. Diante do quadro fático acima delineado, João ajuizou ação de indenização em face de Carlos. Acostou aos autos documentoscomprobatórios de sua renda, os quais demonstravam que, nos últimos 7 anos, ele auferia com seu labor aproximadamente R$ 2.500,00 mensais. Colacionou, ainda, todos os recibos relativos às despesas médicasrealizadas no período. Formulou os seguintes pedidos: a) o reconhecimento da responsabilidade objetiva no caso, uma vez que direção veicular consiste, inquestionavelmente, em atividade de risco; b)pagamento das despesas realizadas com tratamento médico; c) indenização por lucros cessantes, em valor equivalente a R$ 15.000,00, visto que, sendo homem qualificado e trabalhador, tinha certeza de que...
tracking img