Cartilha de compostagem nas escolas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2061 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Cartilha de Compostagem em Escolas
Efraim Rodrigues, Ph.D.

Compostagem em Escolas
Comecei este projeto com um filtro de café usado.
“Pense grande, comece pequeno, aja agora” Governador Papua New Guine

–Dá uma pena jogar isto fora... Não dá para colocar no canto do vasinho ? Do canto de um vasinho passei para um vasinho inteiro e dele fui para uma caixa de água pequena de 50 litros. Apartir deste momento o lixo somou um volume e começou a cheirar terrivelmente mal. Passei então uns 4 anos tentando todo tipo de material como capim, cinzas, cal, serragem, picar bastante o lixo, revirar muito, usei até uma bomba de ar para arejar o material. Consegui uma solução razoável adicionando serragem e revirando bastante, mas a solução final só viria alguns anos depois, quando já estávamoscompostando em dezenas de escolas. Uma destas escolas, a EE Joao Cruz de Jacareí-SP resolveu construir uma composteira em cima de um estrado vazado, de modo a arejar a massa de resíduos por baixo. Esta era a solução simples e eficiente que estávamos procurando desde o início. Quando o composto esquenta, o ar quente sobe e é substituído por um ar novo, cheio de oxigênio por baixo da pilha. Maisoxigênio é mais oxidação que acelera ainda mais a compostagem. A aeração por baixo evita também a formação de chorume. A

A primeira composteira suspensa na EM João Cruz, de Jacareí - SP

partir daí começamos a construir composteiras com este aeração por baixo de vários tamanhos e formas, mudando inclusive a de casa para uma caixa plástica toda arejada pelos lados. Quando começamos a ajudarescolas a compostar seus resíduos, pensei que elas seriam um caminho para divulgar a compostagem para a sociedade. Depois descobri que era pouco. A compostagem dentro da escola é uma entre tantas outras portas para a transdiciplinaridade, mas uma das mais simples e baratas. Mais uma vez descobri que também era pouco. A compostagem é uma metáfor a para a atuação cidadã. Ela comunica de uma maneiraprática que se cada um for responsável pelos problemas que cria, não haverá problema no mundo. Decidi escrever este pequeno guia na forma de perguntas e respostas porque ao longo dos anos aprendi que as apreensões que os candidatos a compostores são muito parecidas. Entre em contato se sua pergunta não estiver aqui.

Alunos da EM Carlos Kraemer explicam o tratamento dos resíduos; compostagem comometáfora para responsabilizarse por seus atos.

1. Isto não cheira mal ?
Lixo pode cheir ar mal se você fechá-lo em um saquinho e o mantiver de molho na própria água nojenta que verte dele. Ensopado desta forma ele vai começar a fermentar e ter o cheiro que todos associamos a lixo. Aberto e oxigenado não cheira. Eu tenho uma caixa plástica cheia de lixo na minha varanda. Sem cheiro algum.

Acomposteira da varanda do meu apartamento

2. Isto não junta bicho ?
Moscas vêem no lixo atrás

de uma alga que se desenvolve na superfície do lixo em fermentação e que é a responsável pelo cheiro tão característico que nos faz perceber o caminhão de lixo passando. Uma compostagem sadia, quente e bem arejada não tem moscas nem ratos. Em alguns casos tem pássaros, que vem tentar comer algumas daslarvinhas que sobram por ali.

3. Por que você não patenteia a compostagem ?
Porque não fui eu quem inventou. Compostagem existe há milhares de anos, inventada e reinventada em todos momentos da história onde havia muita gente em áreas restritas. Não patenteio também porque cobrar das pessoas para fazer isto seria incompatível com minha posição de querer ver uma composteira ao alcance da mãode cada pessoa deste país.

Pequena composteira de plástico e lixo cru (20/03/2009)

4. Quanto tempo demora ?
Depende o que voce quer. Para produzir um composto cru, já sem possibilidade de cheirar, você consegue em três dias. Para fazer húmus negro da melhor qualidade, são necessários cinco meses. Em umas três semanas você tem um composto que pode ser incorporado no solo. Mas lembre que...
tracking img