Cartas chilenas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1692 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O Contexto Histórico-Social
A segunda metade do século XVIII na Europa apresenta, de modo geral, uma importante fase de transformação cultural.
Seu ponto de partida foi a França, onde, em1751, é publicada a Enciclopédia, símbolo de renovação cultural que tinha à frente D'Alembert, Diderot e Voltaire. Os enciclopedistas deram grande impulso ao desenvolvimento das ciências, valorizando a razãocomo agente propulsor do progresso social e cultural. Essa onda de racionalismo opôs‐se às ideias religiosas da época, que são atacadas e consideradas retrógradas.
Todo esse movimento de renovação, chamado Iluminismo, espalhou‐se pela Europa e atingiu Portugal. Coube ao marquês de Pombal, ministro de D. José I, levar a cabo a tarefa de renovação cultural, tentando colocar Portugal em dia com oprogresso do resto da Europa. 
Em 1759, os jesuítas são expulsos de Portugal e o ensino, que estava quase todo em suas mãos, torna‐se então leigo. Fundam‐se escolas e academias, e respira‐se em Portugal um clima de novidade e mudanças no campo da arte, da ciência e da filosofia.
A Escola Literária
Dentro desse panorama de renovação cultural, surge um novo estilo poético: o Arcadismo.
Reagindocontra os exageros do estilo barroco, os autores da segunda metade do séculoXVIII propõem uma literatura que seja mais simples e espontânea. Vivendo numa época de euforia e confiantes no progresso científico, esses novos autores não foram tão religiosos nem expressaram tantos problemas metafísicos quanto os barrocos.
O Arcadismo expressa uma visão mais sensualista da existência, propondo uma volta ànatureza e um contato maior com a vida simples do campo. Em pleno século XVIII, os poetas arcádicos recriam em seus textos as paisagens campestres de outras épocas, com pastores e pastoras cantando e vivendo uma existência sadia e amorosa, preocupados apenas em cuidar de seus rebanhos; esse tipo de recriação da vida é chamado de bucolismo e constitui uma das características marcantes da poesiaarcádica. Aliás, o desejo de identificação com a figura de pastores levou os poetas arcádicos a adotarem para si pseudônimos gregos e latinos e a se referirem, em suas poesias, a elementos da mitologia clássica (ninfas, deuses etc.). O próprio nome Arcadismo foi tirado de Arcádia, região da Grécia onde, segundo a mitologia, pastores e poetas viveriam uma existência de amor e poesia.
Valorizando arazão e a simplicidade, os arcádicos inspiraram‐se na sobriedade dos poetas clássicos do Renascimento (sobretudo Camões) e da antiguidade grega e latina. Daí o nome de Neoclassicismo com que também se costuma designar esse período.
Sobre o Autor
Tomás Antônio Gonzaga ‐ Nasceu em Portugal em 1744 e morreu em 1810, na África, para onde tinha sido desterrado por seu envolvimento na InconfidênciaMineira. Viveu alguns anos no Brasil, depois foi estudar Direito em Portugal, regressando em 1782 como ouvidor de Vila Rica. Sob o pseudônimo árcade de Dirceu, escreveu poesias líricas em que fala de seus amores por Marília, nome criado por ele para se referir à jovem Maria Dorotéia de Seixas. Essas poesias formam o livro Marília de Dirceu, em que aparece frequentemente o desejo de uma vida em contatocom a natureza, entre pastores, numa existência simples e feliz. Insiste na brevidade da vida, na passagem do tempo que tudo destrói, acentuando a busca do prazer e o gozo do momento presente. Além disso, escreveu ainda uma obra satírica em versos: Cartas chilenas, que circularam sob forma manuscrita em Vila Rica, e cuja autoria só recentemente foi atribuída a Tomás Antônio Gonzaga. Nessas cartas,o autor satiriza Luís da Cunha Meneses por suas arbitrariedades como governador da capitania de Minas. Os nomes das pessoas e da região são substituídos por outros: Minas Gerais é o Chile; Vila Rica é Santiago; o autor se dá o nome de Critilo e o destinatário é Doroteu; o governador é chamado de Fanfarrão Minésio.
Sobre a Obra
As Cartas Chilenas encontram‐se entre os melhores textos...
tracking img