Carta a dr jose cambraia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1677 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Piracicaba, 19 de Dezembro de 2004.

Prezado Doutor, José Cambraia

Eu só precisava de uma referência da presença de FLAVONOIDES (anexo e CD) na ORA PRO NOBIS para lhe dirigir esta carta-documentário.

Em 1982 conheci a planta em SABARÁ- MG , que me despertou interesse, acentuando-se em 1983 ao receber uma publicação do Clube das Mães das SAMARITANAS intitulado: “ORA PRO NOBIS” na qual afolhas eram colocadas na condição de “A CARNE DOS POBRES”, tal o seu teor de Proteína (anexo).

A partir de 1998 pude me envolver mais com a planta, ocasião em que tomei conhecimento do seu trabalho pioneiro (anexo) e em seguida dos trabalhos realizados pelo mundo em relação ao “CONCENTRADO PROTÉICO DE FOLHAS” (CPF).

Desde 1940 a Extração de Proteína Foliar é estudada, com destaque a N.WPirie e Sam Wildman o qual classificou a Proteína Foliar (Rubisco) como um “MANÁ VINDO DO CÉU” (CD).

Nesses últimos 65 anos centenas de pesquisadores se dedicaram arduamente e conseguiram resultados excelentes, tanto tecnologicamente como na qualidade do CPF pesquisando centenas de plantas.

No Brasil podemos citar o Dr. Foued Espindola da Universidade de Uberlândia, que contou com acolaboração de cientistas da Itália, Japão, Suécia e Índia, pesquisando o Concentrado de Folhas de 13 plantas.
Ainda no Brasil destaco o trabalho “Extrato e estudo do valor nutritivo de Folhas de ORA PRO NOBIS” com Vista ao “Concentrado Protéico de Folhas” da UFMG.
Este trabalho do conceituado Nutrólogo Dr. Enio Cardillo Vieira, que hoje ocupa a cadeira 55 da ACADEMIA MINEIRA DE MEDICINA, foipublicado no Nutrition Reports International com o título: “Leaf protein concentrate of cactácea Pereskia Aculeata extration and composition”.

Plantas pilotos foram instaladas na ITÁLIA, RÚSSIA, USA, E FRANÇA e a tônica em todos estes trabalhos era uma só:
“... e este trabalho se justifica uma vez que o CPF, irá suprir a deficiência nutricional das populações menos favorecidas e a CARÊNCIA defontes protéicas no FUTURO...”

Tomando conhecimento disto fiquei convencido de que o CPF é realmente SOLUÇÃO e que ORA PRO NOBIS é a planta mais indicada pela sua qualidade protéica e abundância no Brasil e outros países como matéria-prima “CUSTO ZERO” (CD) (outras poderão ser incluídas quando estiverem disponíveis ao mesmo preço).

O “FUTURO É HOJE”, doutor Cambraia, e o CPF ainda não érealidade. E só existe uma razão para isso:

“As classes privilegiadas ainda não foram atingidas, e vão continuar usando a vaca como intermediaria”. E esse contingente que pode se dar ao luxo de comprar alimentos, um dia se manifestou em favor do CPF (LPC), movimentou o Congresso dos USA, pesos pesados da indústria de alimentos (General Foods), autoridades médicas e cientistas de renome tendo oDr. Sam Wildman (Rubisco) como arauto do “CONCENTRADO PROTEICO DE FOLHAS DO TABACO” e foi criada a “LEAF PROTEIN INTERNATIONAL Inc.”. Para esse fim.(CD)
Polemica geral, poderosos contra poderosos e o projeto fracassou. A LEAF PROTEIN INTERNATIONAL Inc, encerrou suas atividades e o equipamento enviado pra a Universidade da Florida (CD).

Fico refletindo se este fracasso foi bom ou ruim. Mastendo mais a considerar que foi ruim, porque se estivesse iniciado com as folhas do tabaco, hoje teríamos a CPF com outros insumos.
Seria o Concentrado Protéico de Folhas uma falácia? - Não.
Haja vista à dedicação com que renomados trataram o CONCENTRADO PROTEICO de FOLHAS de TABACO.
Estaria havendo negligência? – Sim.
A gripe do frango se alastra, a vaca louca esta à solta e a ORA PRO NOBISesta se oferecendo em abundancia. Tão cedo, utilizada para o CPF, não será.

A ORA PRO NOBIS (algumas PERESKIAS) tem sido alvo há anos de pesquisas ao redor do mundo no que se refere a “a suas características MORFOLÓGICAS, FISIOLÓGICAS, FITOQUÍMICAS, GENÉTICA, FARMACOLÓGICAS e que nos dao informações importantes sobre a planta.
Citaremos alguns do Brasil com comentários rápidos.

1....
tracking img