Brincadeiras antigas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2210 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]


SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
LICENCIATURA EM PEDAGOGIA


LILIAM DUTRA PEREIRA














importância do brincar
A IMPORTÂNCIA DE MANTER AS BRINCADEIRAS ANTIGAS NOS DIAS ATUAIS
















Caxias do Sul
2012




LILIAM DUTRA PEREIRA




















importância do brincar
A IMPORTÂNCIA DE MANTER ASBRINCADEIRAS ANTIGAS NOS DIAS ATUAIS








Trabalho apresentado ao Curso (Pedagogia) da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para as disciplinas [Atividade interdisciplinar]


Prof.(res): Andréia Zômpero; Helena Sampaio Laura Célia Cabral Cava; Orlando Mendes Fogaça Junior e Raquel Franco.








Caxias do Sul2012

INTRODUÇÃO


Este trabalho possui intenção de apresentar a importância das brincadeiras para o desenvolvimento psíquico, social, cognitivo e pessoal da criança em idade escolar do fundamental.
Antigamente as crianças não tinham tantos brinquedos como as de hoje e, por isso, tinham que usar mais a criatividade para criá-los. Usavam pedaços de madeira, pedrinhas, legumes epalitos para fazer animais, além de brincadeiras como amarelinha, linha de gude, cantigas de roda, passa anel, roda pião, empinar pipa, dentre várias outras e, assim, se divertiram por décadas e décadas. Com os avanços da modernidade, a tecnologia trouxe brinquedos que não exigem a criatividade das crianças, pois elas já encontram tudo pronto. Portanto, nossa intenção ao trabalhar esta é quepossamos resgatar culturas antigas, e proporcionar troca de experiências e interação entre as gerações.
Apresentar brincadeiras antigas não apenas mostrando como era, mas tentar adaptá-la aos nossos dias, incentivar a interação, socialização, enfim quere mostrar aos nossos pequenos estudantes que a vida é muito mais divertida e proveitosa quando compartilhamos e interagimos com o grupo.A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR NA IDADE ESCOLAR





O termo brincadeira é utilizado, quando se fala das relações sociais, para se designar alguma ação cujo objetivo claro é divertir. Nesse caso, incluem-se os gracejos, as piadas, os trocadilhos e outras ações do gênero.
Pesquisas no campo da psicologia mostram que asbrincadeiras auxiliam as crianças no desenvolvimento da atenção, memória, concentração, além da compreensão de regras e papéis sociais. Assim, consideramos importante a discussão do papel das escolas de Educação frente às necessidades e possibilidades da criança.
As brincadeiras das crianças também podem ser educativas. Brincadeiras com regras pré-estabelecidas e com objetivos, estimulam aresponsabilidade, a disciplina, entre outros valores sem que as crianças se sintam obrigadas a cumprir. As responsabilidades na vida da criança irão favorecer o seu convívio na sociedade.
Além do conhecimento de uma maneira espontânea, as brincadeiras trazem vantagens em todas as etapas da vida das crianças. O desenvolvimento da criatividade e da coordenação motora, o estimulo da imaginação e dashabilidades podem ser trabalhadas nas brincadeiras independente da faixa etária das crianças.
É através da atividade lúdica que a criança se prepara para a vida, assimilando a cultura do meio em que vive, integrando-se nele, adaptando-se às condições que o mundo lhe oferece e aprendendo a competir, cooperar com os seus semelhantes: a conviver como um ser social.
Independentementedo avanço tecnológico as brincadeiras antigas ainda tem muito a nos ensinar, pois são brincadeiras geralmente realizadas em grupos e isso proporciona todas as possibilidades de desenvolvimento em áreas vitais e essenciais à vida da criança.
As brincadeiras tradicionais fazem parte do folclore infantil, trazem consigo parte da cultura popular, pois são transmitidas oralmente, guardam a...
tracking img