Brasil imperio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4264 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Michel Lucas Rocha Souza

Brasil
Colonial

01/05/2012 - 1 ª Bimestre – DP História -

Nome: Michel Lucas Rocha Souza
Disciplina: História
Professora: Fabiana
Referente: Dependência do 2ª ano
Matéria: Brasil Colonial

01/05/2012Índice
Introdução... pagina 1
Desenvolvimento... paginas 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9
Conclusão... pagina 10
Bibliografia... pagina 10

Introdução

Neste trabalho, procurou-se abordar a questão doBrasil colônia, de uma maneira mais crítica, fugindo um pouco do que sempre foi divulgado e imposto, pela historiografia tradicional. 
Através de consultas a várias fontes escritas, de autores variados, procurei abordar as questões da "descoberta", a colonização, a administração colonial, o ciclo açucareiro, a resistência dos negros à escravidão, o domínio espanhol, o surgimento da arte no Brasil, obandeirismo, o ciclo do ouro, as revoltas e movimentos nativistas, e o surgimento do estilo barroco.

1
 2 AS NAVEGAÇOES

Portugal foi o pioneiro nas grandes navegações, isto se deve a sua posição geográfica, uso de técnicas aprimoradas como a bússola, o astrolábio e a caravela, bem como um escola de navegação , a escola de sagros.Dessa forma os  portugueses começaram com a ocupação de - Ceuta, Cabo da Boa Esperança, e a tentativa de descoberta do caminho para as Índias, pois encontraram o Brasil . A Espanha, incentivada pela expulsão dos Mouros, 
  e com a descoberta de Colombo (América em 1492), aceitava o projeto (da busca do caminho alternativo para as Índias). 
O Tratado de Tordesilhas (1494), acaboudeterminando que o Brasil, ou pelo menos boa parte dele, pertencesse a Portugal. 
A "descoberta" oficial ocorreu em 1500. Porém segundo alguns historiadores, na ocasião do  Tratado de Tordesilhas, já existia uma razoável certeza quanto a existência de terras a Ocidente. 
Descoberta ou acidente? Rejeitando-se tais hipóteses, qual seria a intenção da expedição de Cabral? 
A colonização veio comoconsequência do descobrimento, não tendo sido esta finalidade.
3 A FASE PRÉ- COLONIZADORA
Durante, três séculos XVI , XVII e XVIII o Brasil ficou  na condição de colônia portuguesa. O colonialismo beneficiava a Metrópole. Havia uma grande dependência da colônia em relação à metrópole, pois aquela importava a cultura e os comportamentos da Metrópole. 
No Brasil daqueles anos não se pode falar emdominação. Inicialmente, o Brasil foi um desafio, pois não havia riquezas para Portugal explorar, o interesse era garantir o controle da rota Atlântica. 
O direito de explorar as terras foi concedido a particulares mediante obrigações, mas considerando o Monopólio da Coroa. 
Nos primeiros tempos, os portugueses  mantinham bom relacionamento com os índios, somente por volta de 1530, Portugal passoua se interessar mais pelo Brasil. 
O Brasil foi o berço da "democracia racial". Se uma raça preponderou , preponderam também seus costumes.  Os negros e índios foram submetidos a violência física e cultural, o Índio perdeu suas terras, o  negro foi transferido brutalmente de ambiente.
Extração do pau-brasil

O pau-brasil existia com abundância na orla litorânea, desde o Rio Grande doNorte até a região fluminense (Cabo Frio). A viagem da nau Bretoa está ligada a um grande carregamento desta madeira.
Conhecido pelos índios como "Ibirapitanga" e batizado pelos europeus como pau¬brasil, teve fácil aceitação na Europa como material colorante, próprio para tingir tecidos. Descoberto o produto, foi imediatamente declarado monopólio da Coroa e sua exploração feita pela iniciativa...
tracking img