Braile

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2795 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
raileBraille!? O que é isso?

Raquel S. da Fonseca Vanessa R. R. Moura

#a

O Sistema Braille e seus antecedentes
Século XIV – Professor Árabe – Zain-Din al Amidi, desenvolveu um método para identificar seus
livros, que consistia em fazer espirais de papel bem fino, que eram engomadas e dobradas sobre os caracteres,

permitindo-lhe a leitura.
Em 1517: Na Espanha, Francisco Lucasidealizou um jogo de letras esculpidas em finas placas de madeira. Essa idéia chegou à Itália em 1575, onde foi melhorada por Rampansetto, que passou a utilizar blocos maiores, recortados e não entalhados. Os dois sistemas falharam, pois a leitura era muito difícil. No século XVII, na Alemanha, Jorge Harsdorffer ressuscitou um método clássico, que consistia em

utilizar uma tábua recoberta com cera,sobre a qual se escrevia com um estilete.
1741: Diderot, em seu livro "Carta aos Cegos", fala de uma mulher que teria sido alfabetizada através de letras recortadas em papel. Século XVIII: Maria Teresa von Paradis, que inspirou Valentin Haüy, foi alfabetizada por meio de alfinetes cravados em uma base.

1784: Valentin Haüy funda o Instituto Real dos Jovens Cegos, em Paris, a primeira escolapara cegos
no mundo. Acidentalmente, um de seus alunos, o jovem Lesseur, descobriu que podia reconhecer letras fortemente impressas em papel. Haüy passa a utilizar esse método para alfabetizar seus alunos. E foi, nessa escola de Haüy que ingressou, em 1819, o pequeno Louis Braille, que transformaria de forma muito importante a vida de todas as pessoas cegas.

#b

Louis Braille
Filho do casalSimon René Braille e Monique Baron, Nasceu em 04 de janeiro de 1809, em

Cpupvray, uma cidadezinha situada a cerca de 45 quilômetros de Paris. Simon René era um seleiro muito
conhecido na região e sustentava a esposa e os filhos com o fruto de seu trabalho, realizado em uma oficina localizada na própria casa em que a família morava. Desde que aprendeu a andar, o pequeno Louis acostumou-se a irpara a oficina do pai, onde permanecia por muito tempo brincando com os retalhos de couro que caíam no chão. Certo dia, quando estava com três anos de idade, o garoto resolveu furar um pedaço de couro e, para isso, aproveitou- se de um momento de distração de Simon René e apanhou um instrumento pontiagudo chamado sovela. Aproximando o retalho de couro ao rosto, preparou-se para furá-lo, mas asovela resvalou e atingiu seu olho esquerdo, provocando uma grande hemorragia. Com a ajuda de uma das filhas, Simon socorreu o pequeno Louis e, depois de tratar o ferimento com remédios caseiros, sem grandes resultados, a família resolveu chamar o médico de Coupvray, que também encontrou dificuldade para sanar o problema.

#c

Após alguns meses, a infecção que havia atingido o olho ferido passoupara o olho direito e aos cinco anos de idade o menino ficou totalmente cego.

Muito esperto e inteligente, Louis desde logo manifestou grande desejo de estudar e durante dois
anos frequentou a escola como ouvinte. No dia 15 de fevereiro de 1819, ingressou como aluno no Instituto Real dos Jovens Cegos. Apesar das instalações frias e úmidas e da disciplina muito rígida, de acordo com os padrõesda época. Braille sempre foi um aluno dedicado e brilhante. Entretanto, a falta de livros e as dificuldades de escrita e leitura, o levaram desde cedo a preocupar-se com a necessidade de criar um sistema de escrita e leitura que

permitisse que as pessoas cegas tivessem uma educação de qualidade.
Em 1819, um capitão de Artilharia do Exército francês chamado Charles Barbier de la Serredesenvolveu um sistema de sinais em relevo que, combinados, permitiriam a transmissão de ordens aos soldados durante a noite. No escuro, eles conseguiriam, por meio do tato, ler as mensagens representadas por pontos. Barbier então pensou que o seu sistema poderia servir também para facilitar a comunicação entre

as pessoas cegas e transformou-o em um sistema que chamou de "Grafia Sonora". Por meio dele,...
tracking img