Bom dia ; )

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3266 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Da formação por competências à prática docente reflexiva
GEILSA SORAIA CAVALCANTI VALENTE LIGIA DE OLIVEIRA VIANA Escola de Enfermagem Anna Nery – UFRJ, Brasil

1.

Introdução

A formação por competências e a reflexão são, na atualidade, os conceitos mais utilizados por investigadores e educadores diversos, os quais salientam sua inesgotável importância na formação do ser/fazer e do agirpedagógico. Assim, enfatizaremos neste estudo as competências e a reflexão e sua importância no processo educativo de um modo geral e, especificamente, no que tange ao ensino de Graduação em Enfermagem, destacando o desafio de ser educador numa sociedade que se transforma aceleradamente, faz-se e desfaz-se, e nesse contexto, preconiza-se preparar o enfermeiro-professor para uma prática docentereflexiva. Para direcionar o estudo, partimos das seguintes questões:
1)

Que é a inter-relação do desenvolvimento de competências na formação do enfermeiro e na prática docente reflexiva na Graduação em Enfermagem? Que contribuições para a reflexão traz para a prática docente do professor de Enfermagem?

2)

A partir daí, buscamos alcançar os seguintes objetivos:
1)

Discutir ainter-relação entre o desenvolvimento de competências na formação do enfermeiro e a prática docente reflexiva. Descrever as contribuições proporcionadas pela reflexão na prática docente do professor de Enfermagem.

2)

A justificativa para a realização deste estudo, parte do fato de que observamos em nosso cotidiano, que o processo da prática reflexiva entre enfermeiros docentes, à semelhança do que ocorreem outras áreas profissionais, tem merecido muitas discussões e algumas pesquisas em nosso meio, principalmente pela constatação da necessidade de transformações filosóficas e pedagógicas que venham a atender as expectativas da cultura no novo milênio, como está estabelecido na Lei de Diretrizes e Bases da Educação nacional – lei no. 9394/96, que entre as finalidades da educação superior, destacaa necessidade de estimular a formação de profissionais com espírito cientifico e pensamento reflexivo.
Revista Iberoamericana de Educación
ISSN: 1681-5653 n.º 48/4 – 10 de febrero de 2009 E DITA : Organización de Estados Iberoamericanos para la Educación, la Ciencia y la Cultura (OEI)

Geilsa Soraia Cavalcanti Valente, Ligia de Oliveira Viana

Com a LDB, surgem as Diretrizes CurricularesNacionais (DCNs), que fornecem a cada área de formação profissional, as bases para o exercício da profissão, definindo o perfil e competências a serem alcançados, e ressaltando a necessidade de flexibilidade dos currículos de graduação, de modo a permitir projetos pedagógicos inovadores, formando pessoas mais críticas, reflexivas, ativas, dinâmicas, adaptáveis às demandas do mercado de trabalho. Oreferencial teórico escolhido para este estudo tem base em Phillipe Perrenoud, na condição de professor na Universidade de Genève, com seus importantes conceitos sobre competências e formação docente, contribuindo significativamente para o debate sobre a formação continuada de professores, abrangendo especialmente as competências profissionais, principalmente no que se referem às suas obras: “Aprática reflexiva no oficio de professor: Profissionalização e razão pedagógica” (2002); “Dez novas competências para ensinar” (2000) e “Formando professores profissionais” (2001). Abordamos também Donald Shon, no que se relaciona com a prática reflexiva. Trata-se de um professor norte-americano, que é muito respeitado por sua ação precursora na defesa da prática reflexiva como instrumento dedesenvolvimento de competências, baseado no processo de reflexão-na-ação; vislumbrando perspectivas de aprendizagem por meio do aprender através do fazer privilegiado na formação dos profissionais. Utilizaremos principalmente as suas obras: “Educando o profissional reflexivo” (2000) e “Formar professores como profissionais reflexivos” (1992). Para Shon (2000, p. 65) e Perrenoud (2001, p. 18),...
tracking img