Bioquimica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1337 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DE EDUCAÇÃO SÃO FRANCISCO
CURSO DE NUTRIÇÃO BACHARELADO
UNIDADE DE ESTUDO: BIOQUÍMICA







ARIELSON MARCOLINO
ELIZANGELA BRANDÃO
MIKAEL BARBOSA
VANUZA CRISTINA
WENNA LÚCIA









RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA:
“Substâncias Diet Light e Normal”


















Pedreiras – MA
2012

ARIELSON MARCOLINO
ELIZANGELA BRANDÃO
MIKAELBARBOSA
VANUZA CRISTINA
WENNA LÚCIA














RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA:
“Substâncias Diet Light e Normal”


Relatório apresentado a disciplina de Bioquímica como requisito para obtenção de nota.

Prof. Msc. Francilene Vieira












Pedreiras – MA
2012
1- INTRODUÇÃO

O termo light significa uma alegação (clain) de uma propriedadenutricional que o produto possui no sentido de redução do teor de determinado nutriente ou teor calórico. (LEMOS, 2010).
Os alimentos com alegação diet na embalagem necessitam de uma redução bastante severa de um determinado nutriente. Esse nutriente pode ser qualquer um, e não somente o açúcar, como muitos pensam. Assim, um alimento com uma redução severa de sódio é indicado para hipertensos epoderá apresentar a alegação diet, assim como existem aqueles com redução severa de gordura, entre outros. Um alimento para ser chamado de diet para açúcares, por exemplo, necessita ser isento ou conter no máximo 0,5% de açúcares em sua composição.
É comum produtos diet serem associados a emagrecimento, mas muitas vezes o valor energético não é menor do que o de produtos convencionais. Pode atéser maior. Em outros casos, o nutriente eliminado (sódio ou proteína, por exemplo) pode não interferir na quantidade de calorias.
Produtos light só ajudam a perder peso caso haja diminuição significativa no teor de algum nutriente energético. Também é importante ressaltar que o consumo em excesso de um produto que contém menos calorias em relação ao original pode encadear a ingestão de umaquantidade igual ou até maior de calorias, comparada ao consumo moderado de algo não light.
A prática teve como objetivos a identificação de açúcar redutor, proteína, carboidrato, amido, substâncias light, diet e normal (LEMOS, 2010).


















2- OBJETIVOS:































3- METODOLOGIA

3.1- Materiais:

20 tubos deEnsaio
1 Bastão
8 Pipeta
1 Pêra
2 Conta gota
1 Estante para tubo de ensaio
8 Béquer 50ml
Glicose
Sacarose
Amido
Biureto
Lugol
Reativo de Seliwanoff
Benedict
Guaraná normal
Leite
Gelatina incolor
Suco de fruta (maracujá)
Achocolatado normal
Sprite normal

3.2- Métodos:

3.2.1- Identificação de proteína
Tubo 1. Guaraná normal.
Tubo 2. Leite.
Tubo 3. Gelatinaincolor.
Tubo 4. Suco de fruta.
Tubo 5. Achocolatado.

Coloque 2 ml de cada substancia em tubos de ensaios e adicione 2 ml de biureto. Explique o que aconteceu.

3.2.2- Identificação do amido
Tubo 1. Amido.
Tubo 2. Gelatina incolor.
Tubo 3. Guaraná normal.
Tubo 4. Suco de fruta.
Tubo 5. Achocolatado normal.

Coloque 2 ml de cada substancia em tubos de ensaio e adicione 2 gotas de lugol.Aqueça e explique o que aconteceu.


3.2.3- Reação de Seliwanoff
Tubo 1. Glicose.
Tubo 2. Suco de fruta.
Tubo 3. Leite.
Tubo 4. Sprite normal.

Coloque 1 ml de cada substancia em tubos de ensaio e 5 ml de reativo de Seliwanoff. Aqueça por 3 min e explique o que aconteceu

3.2.4- Identificação de açúcar redutor
Tubo 1. Glicose.
Tubo 2. Gelatina normal.
Tubo 3. Guaraná normal.
Tubo 4.Leite.
Tubo 5. Sacarose.
Tubo 6. Amido.

Coloque 2 ml de cada substancia em tubos de ensaio e adicione 1,5 ml de Benedict. Aqueça por 3 min e explique o que aconteceu.































4- RESULTADOS E DISCUSSÃO
Inicialmente foi necessário obter a pesagem direta da substancia, glicose amido e sacarose, numerou-se os tubos pra primeira técnica T1....
tracking img