Biografia joaquim terreiro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1870 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Biografia de Joaquim Tenreiro
Joaquim Albuquerque Tenreiro (Melo Guarda, Portugal 1906 - Itapira SP 1992). Designer, escultor, pintor, gravador e desenhista. Filho e neto de marceneiros, aos dois anos de idade muda-se para o Brasil com a família, fixando residência em Niterói, Rio de Janeiro.
Retorna a Portugal em 1914, onde ajuda o pai a realizar trabalhos em madeira e inicia aulas de pintura.Volta a viver no Brasil entre 1925 e 1927.
Em 1928, transfere-se definitivamente para o Rio de Janeiro, passando a freqüentar o curso de desenho do Liceu Literário Português e faz cursos no Liceu de Artes e Ofícios.
Em 1931, integra o Núcleo Bernardelli, grupo criado em oposição ao ensino acadêmico da Escola Nacional de Belas Artes - Enba. Na década de 1940, dedica-se à pintura de retrato, depaisagem e de natureza-morta.
Entre 1933 e 1943, trabalha como designer de móveis nas empresas Laubissh & Hirth, Leandro Martins e Francisco Gomes. Em 1942, realiza para a residência de Francisco Inácio Peixoto seu primeiro móvel moderno.
Em 1943, monta sua primeira oficina, a Langenbach & Tenreiro e, alguns anos depois, inaugura duas lojas de móveis; primeiro no Rio de Janeiro e,posteriromente, em São Paulo.
No final da década de 1960, Joaquim Tenreiro encerra as atividades na área da concepção e fabricação de móveis para dedicar-se, por mais 20 anos, exclusivamente às artes plásticas, principalmente à escultura. Em 1969, executa um painel para a Sinagoga Templo Sidon e, em 1974, dois painéis para o auditório do Senai, ambos na Tijuca.

O Mestre da Madeira "Procureifazer um móvel diferente daquele que se produzia. O móvel que até então se fazia guardava vícios do passado. Eram pesados, desproporcionais tanto no assento quanto no encosto ou braços. Então criei um móvel mais leve, mais funcional e mais cômodo. Afinal, o móvel,como muitas outras coisas de uso humano, tinha de se adaptar aos tempos, tomar novos rumos", Joaquim Tenreiro (1985).

         Ele foimarceneiro, escultor e pintor. Mais que isso. Numa trajetória iniciada em fins dos anos 20 e que se prolongaria por mais de seis décadas, Joaquim Tenreiro tornou-se nacional e internacionalmente conhecido como o primeiro designer de móveis do Brasil. Nascido em 1906, em Melo, numa pequena aldeia na Serra da Estrela, Joaquim de Albuquerque Tenreiro era filho e neto de marceneiro e, aos nove anos deidade, começou a trilhar os primeiros passos de artesão. Foi na década de 20, já casado, que Tenreiro fixou-se em definitivo no Rio de Janeiro, ganhando a vida como carpinteiro e marceneiro para então em 1929, matricular-se em seu primeiro curso de desenho livre e afinal, dar vazão à paixão pela arte.     O designer - O primeiro móvel desenhado por Tenreiro data de 1942: a Poltrona leve, em imbuiapreta, com um belíssimo tecido em branco e preto (da não menos conceituada artista plástica Fayga Ostrower). Depois, uma fabulosa e clássica seqüência: Cadeira de embalo, a Mesa e a Cadeira estruturais, e a célebre cadeira de três pés, a Trípode (de imensa repercussão em 1947 ao ser utilizada como cenário da peça Da necessidade de ser polígamo, de Silveira Sampaio, que apresentava -escandalosamente para época - um triangulo amoroso).     A carreira como artista plástico deslanchou no início da década de 40, quando participou com óleos e desenhos da Divisão Moderna dos Salões Nacionais de Belas Artes de 1941 e 42, onde ganhou vários prêmios. Eram paisagens, a natureza-morta, o retrato e o auto-retrato. Um desenho sensível, de um colorido suave, com predomínio de verdes em todos os tons.Pintou os bairros e paisagens da sua cidade adotada: Glória, Santa Teresa, Laranjeiras e também o Morro do Querosene. Essa atividade decresceria por um tempo, mas a multiplicidade artística (através das esculturas) continua até a década de 80.       Conhecedor em profundidade da madeira, Tenreiro trabalhou o jacarandá, o pau-marfim, o roxinho, o cedro, o vinhático e, foi o primeiro a explorar a...
tracking img