Trabalho dbii

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2377 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução

Neste trabalho apresentaremos uma definição sobre o que é o DB2 e um resumo de sua história desde seu surgimento até as últimas versões lançadas.
Por diante explicaremos um pouco de algumas de suas funcionalidades, bem como seu sistema de armazenamento e suporte para XML.
Em seguida serão apresentadas algumas vantagens e desvantagens ao utilizar a ferramenta.


Definição

Oque é DB2?
DB2 é um sistema de banco de dados relacional desenvolvido pela IBM. Concorre diretamente com os bancos de dados Oracle da própria Oracle e o SQL Server da Microsoft. É um dos mais completos e eficientes.
DB2 pode rodar em Linux, Unix e Windows (LUW). Também pode ser instalado em i5/OS (computadores midrange) e z/OS (mainframe).
A partir da versão 9, o DB2 é considerado um banco dedados híbrido, pois ele pode armazenar nativamente tanto dados relacionais quanto dados hierárquicos (XML).


História

O nome DB2 foi dado para o Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados que a IBM lançou em 1983 baseado em SQL/DS para seu mainframe. A principio o produto foi chamado System R que fora iniciado em 1978. O projeto DB2 começou no inicio dos anos 70 quando Edgar Frank Codd,trabalhando para IBM descreveu a teoria dos Banco de dados Relacionais e publicou sua teoria em Junho de 1970. Para aplicar o modelo, Codd criou uma linguagem de banco de dados relacionais que a chamou de Alpha. Entretanto, a IBM não acreditava no potencial das suas idéias, deixando-o fora da supervisão do grupo de programadores, que violaram diversas idéias fundamentais do modelo relacional de Codd. Oresultado foi a linguagem SEQUEL, que depois foi mudado para seu acrônimo SQL porque SEQUEL já era uma marca registrada.

Por muitos anos, DB2 foi feito exclusivamente para rodar nos mainframes da IBM. Posteriormente a IBM introduziu o DB2 para outras plataformas de servidores, incluindo o Unix e o Windows, para então colocar no Linux e PDAs. Esse processo foi feito na década 90. A inspiraçãopara os detalhes de implementação do DB2 vieram da
linguagem DL/1 da IBM e do Sistema de Gerenciamento de Informações também dessa empresa. As novas versões já são avaliadas para OS/2 e é chamada DB2/2.

Na metade do ano de 2006, a IBM anunciou o “Viper”, o codinome do DB2 9 para computação distribuídas e para DB2 9 no z/OS. A empresa diz que o novo DB2 será o primeiro banco de dados relacionalque armazena o XML nativo. Outros recursos incluem o desenvolvimento baseado em OLTP para computação distribuídas, o desenvolvimento baseado em Business intelligence e data warehousing para z\OS, mais recursos de auto configuração e auto gerenciamento, adição de recursos para a plataforma 64-bits (especialmente para z/OS), melhoria na performance do armazenamento estruturado para z/OS e acontinuação da padronização do vocabulário da linguagem SQL entre z/OS e outras computação distribuídas.

DB2 Universal Database Personal Edition
Fornece um sistema de gerenciamento de banco de dados relacional de usuário único para seu desktop OS/2, Linux ou Windows
DB2 Universal Database Workgroup Edition
Um banco de dados DB2 de vários usuários para aplicativos e dados compartilhados em umaconfiguração de grupo de trabalho ou departamento em LAN's com base em PC
DB2 Universal Database Enterprise Edition
Um banco de dados DB2 de vários usuários para configurações complexas e grandes necessidades de banco de dados, desde plataformas
Intel até UNIX e dos processadores únicos até os maiores SMP's.
DB2 Universal Database Enterprise Extended Ed
Fornece um mecanismo de alta performancepara manipulação de dados complexos em configurações de servidor SMP e MPP agrupado
para Windows NT**, Ambiente Operacional Solaris da Sun e AIX.
DB2 Connect Personal Edition
Fornece ao seu desktop OS/2, Linux ou Windows acesso transparente, por conexão direta, aos dados armazenados no DB2 em
servidores S/390* ou AS/400*.
DB2 Connect Enterprise Edition
Estende a função Connect para...
tracking img