Batuque de umbigada

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3944 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 INTRODUÇÃO

O Brasil é uma mistura de culturas e etnias que se fundem na história e no folclore de seu povo. Entre elas está a influência da África trazida pelos escravos em navios negreiros e espalhada por todo o território nacional. Falar de cultura brasileira é um misto de raiz, tradição e espiritualidade aliada a uma rica diversidade cultural existente, pois sua composição permeia pordiversas matrizes européia, indígena , africana. Está ultima em especial vem carregada por diferenças em elementos simbólicos sendo nos rituais de dança, musicalidade,ritmo,cantos que compõe parte da resistência cultural negra que é refletida no âmbito social brasileiro. Para a realização do artigo , foi escolhido como tema de estudo, uma manifestação de dança praticada pelos afros descendentes emsolo nacional, denominada Batuque de Umbigada realizada em Capivari, cidade do interior paulista. O batuque de umbigada é uma manifestação cultural africana trazida para o Brasil pelos escravos de origem banto. Por meio de visitas, e depoimentos o artigo evidencia as relações de confronto entre o sujeito protagonista (batuqueiros) e agente opressor (a cidade) , esta que por sua vez transforma amanifestação do batuque de umbigada num objeto excêntrico.
“O popular, o informal, sempre foram contraposta à alta cultura ou cultura de elite, sendo portanto, um local de tradições alternativas sendo esse o motivo pela qual a tradição dominante sempre suspeitou profundamente ao seu respeito” (HALL,2003:p.340).

O presente artigo tem como principal objetivo apresentar como essa manifestaçãocultural ainda sobrevive e se apresente como símbolo da resistência negra, em meio a um contexto de opressão por parte da cidade que ao longo de sua historia, deixou o batuque de umbigada com um grau de invisibilidade.

8

2 BATUQUE DE UMBIGADA

O processo de deslocamento das populações negras do campo para as cidades iniciado após a abolição trouxe muitas danças ancestrais para as periferias daregião Sudeste. O “Batuque de umbigada” dança originária da África trazida ao Brasil pelos escravos nos navios negreiros na época de colonização e instalada na região do Médio Tietê (Tietê, Porto Feliz, Laranjal, Pereiras, Capivari, Botucatu, Piracicaba, Limeira, Rio Claro, São Pedro, Itu, Tatuí) é uma manifestação que vem sendo preservada e transmitida por gerações. Dança que assemelha o movimentodo corpo com o axé e a capoeira tem como principal função festejar a fertilidade. O Batuque de Umbigada, também chamado caiumba ou tambu, é uma dança trazida por negros bantos que trabalharam na cultura da cana e do café, em São Paulo. Em Tietê, Piracicaba e Capivari estão os últimos grupos de batuqueiros, sexagenários que se reúnem algumas vezes durante o ano parra tocar, cantar e dançar. “Obatuque é uma manifestação em que, junto à batucada, há uma dança na qual um homem e uma mulher encostam seus umbigos como parte da coreografia”, diz Vanderlei Bastos representante dessa tradição cultural. Duas filas se defrontam, uma de mulheres e outra de homens. Perto dos dançadores estão os batuqueiros que soltam as modas, ou seja, cantam as músicas. Na dança são utilizados os seguintesinstrumentos: o tambu, uma espécie de tambor feito de tronco oco de árvore; o quinjengue, um tambor mais agudo que faz a marcação rítmica do tambu e nele se apóia; as matracas, que são os paus que batem no tambu do lado oposto do couro e os guaiás, chocalhos de metal em forma de cones ligados. Todos os instrumentos que levam couro, são afinados em uma fogueira, tornando mais mágico e característico oritual. A fileira dos homens vai até a das mulheres cantando a moda para ensiná-las e após diversos galanteios, os homens vêm trocar umbigada com as mulheres, e ai o baile se inicia. O movimento da umbigada é notado em danças cerimoniais de fertilidade e núpcias da região Congo-Angolana. Dentro da cultura banto existe a visão de que o umbigo é a nossa primeira boca e o ventre materno a primeira casa,...
tracking img