Aula retorno e risco

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1463 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RISCO E RETORNO
Risco é o grau de incerteza associado a um investimento. Quanto maior a volatilidade dos retornos de um investimento, maior será o seu risco.
Retorno são receitas esperadas ou fluxos de caixa previstos de qualquer investimento.
Relação entre risco e retorno
O retorno sobre o seu dinheiro deve ser proporcional ao risco envolvido.
Quanto > risco>retorno
Quanto < risco< retorno
Mensurando o retorno
Uma companhia investe fundos para gerar um retorno. Podemos dizer portanto, que a decisão de investir é para gerar lucros. Esses lucros são traduzidos em dois retornos:
- aumento no preço das ações da companhia;
- O pagamento dos dividendos torna-se possível devido a esses lucros.
(às vezes não há dados disponíveis para determinar futuros retornos de uminvestimento).
Então como mensurar? Em finanças é teoricamente possível usar aproximações. Isto é procura-se uma ação de uma empresa de comportamento semelhante à do projeto em estudo, calculam-se os retornos esperados dessa ação, supõe-se que esses retornos refletirão o retorno do projeto em estudo.

RETORNO ESPERADO=DIVIDENDOS+VALORIZAÇÃO DO CAPITALVALOR DA AÇÃO NO PERÍODO

RETORNO ESPERADO=DT+ (PT- PT-1)P(T-1)
DT=DIVIDENDOS DO ANO CORRENTE
PT=PREÇO DA AÇÃO NO ANO CORRENTE
PT-1=PREÇO DA AÇÃO NO ANO ANTERIOR
T=PERÍODO DE TEMPO (CORRENTE)

Ex:DT= R$ 1,00 PT = R$ 11,00 PT-1 = R$ 10,00
retorno esperado=1+(11-10)10= 210=20%
Ex: Suponha que calculamos as taxas de retorno para vários anos e encontramos que, em tempos de recessãoeconômica, a média 10%, em tempos normais, 20% e, em tempos de crescimento, 30%. A probabilidade é que esses retornos se situem entre 10% e 30%, porém a média real dependerá das condições econômicas (macro). Após perguntar a alguns economistas e outros especialistas, concluiu-se que há 30% de chance de ocorrer uma situação econômica recessiva, 40% de ocorrer uma situação econômica normale 30% de ocorreruma expansão na economia.
Parâmetros para cálculos K= T=1NK1P1
Dados nossos trêscenários, recessão ( r ) , normalidade (n) e expansão ( e), fica:
K= KrPr+ KnPn+KePe
Tabela 1: Cálculo do retorno esperado usando probabilidades.
Condições econômicas esperadas | Retornos efetivos (k) | Probabilidades (P) | K × P |
Recessão | 10% | 0,3 | 0,03 |
Normal | 20% | 0,4 | 0,08 |
Expansão |30% | 0,3 | 0,09 |
Retorno esperado (K)0,20 |
Este provável retorno esperado de 0,20 torna-se o ponto de referência para o cálculo dos valores efetivosem relação ao valor esperado e, portanto da determinação do risco do projeto.
A volatilidade em torno do retorno esperado é o risco.
MENSURANDO O RISCO
O risco é definido como o desvio dos resultados esperados em relação a uma média ou valoresperado. Também pode ser considerado uma chance de que ocorra uma perda ou um ganho com o investimento num ativo ou projeto.
Para analisar o risco é divido em 2 componentes o nível de risco e o risco do prazo.
Essa distinção é necessária porque as decisões de investimento se baseiam no cálculo do valor presente dos fluxos de caixa gerados pelo investimento.
O NÍVEL DO RISCO
Pode serdeterminado pela comparação do risco de um projeto com o de outro.
Lembrando que o risco associado à grandes empresas é geralmente menor do que o de uma empresa pequena.
A volatilidade dos retornos da companhia de baixo risco é, geralmente baixa, enquanto os retornos da companhia de ato risco estão sujeitos a elevadas volatilidade.

RISCO DO PRAZO
No jargão financeiro, afirma-se que o risco é umafunção crescente do prazo, ou seja, quanto maior o tempo que os fundos permanecem aplicados, maior é o risco envolvido. Todavia, se um período mais longo de tempo é considerado, um prêmio deve ser pago aos credores por assumirem o risco.

Risco total = taxa livre de risco + prêmio pelo risco

Taxa de livre risco; É a taxa de juros paga aos ativos que asseguram o retorno prometido, como as...
tracking img