Atmosfera explosiva

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4806 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]


ATMOSFERA EXPLOSIVA

1. Considerações iniciais


Processos industriais, frequentemente utilizam substâncias em que a mistura com o oxigênio do ar e sob determinadas condições podem formar uma atmosfera explosiva.


Tais substâncias podem ser encontradas na forma de:
▪ Líquidos inflamáveis;
▪ Gases e vapores inflamáveis;
▪ Poeiras combustíveis.As substâncias emitidas nos ambientes de trabalho podem estar na forma de partículas sólidas ou líquidas ou na forma gasosa ou na forma mista, podendo ser divididos em:

• Aerodispersóides;
• Gases e Vapores.



Aerodispersóides




As substâncias quando finamente divididas e suspensas no ar na forma de partículas são chamadas de aerodispersóides e podem serclassificadas da seguinte forma: poeiras, fumos metálicos, névoas, neblinas e fumaça. O grande risco destes contaminantes diz respeito a sua facilidade de dispersão e mobilidades, sendo facilmente transportados pelo ar, atingindo todas as pessoas presentes no ambiente.

POEIRAS: São partículas sólidas resultantes da desintegração mecânica de substâncias inorgânicas ou orgânicas, seja pelasimples manuseio , ou em conseqüência de operações de esmagamento, moagem, trituração, polimento, detonação e outros. As poeiras possuem diâmetro pequeno, não se difundem, e tendem a depositar-se sob ação da gravidade. Seu efeito nocivo depende da densidade e tamanho das partículas. Poeiras com diâmetros acima de 10µm depositam-se rapidamente, entre 5 e 10µm depositam-se lentamente e inferiores a 5µmflutuam no ar por muito tempo. Com relação às defesas das vias aéreas, partículas com diâmetros superiores a 3 µm são retidas pelas vias aéreas, sendo que as com diâmetro inferior a 3 µm atingem os alvéolos pulmonares ocasionando pneumoconioses.

Quanto menor o tamanho das partículas, maior a facilidade em atravessar as barreiras existentes no sistema respiratório e se depositar nos alvéolospulmonares causando grandes prejuízos ao sistema respiratório, que somente serão perceptíveis após longos anos de exposição.




As poeiras podem ser classificadas em:

▪ Poeiras causadores de fibroses e pneumoconioses – são poeiras que podem causar um endurecimento e conseqüente perda de flexibilidade dos tecidos pulmonares. Ex: poeira de sílica, poeira de algodão, poeira deamianto.



▪ Poeiras inertes – poeiras que não produzem reação fisiológica, são chamadas inertes. Podem ficar retidas nos pulmões, mas não produzem alterações. Somente apresentam problemas quando presentes em concentrações muito elevadas.



▪ Poeiras tóxicas – podem atuar sobre a pele ou aparelho respiratório.



FUMOS: são pequenas partículas sólidas (diâmetro inferior a 1µm) resultantes da condensação de vapores, geralmente provenientes da volatização de metais em fusão, na maioria das vezes acompanhada de oxidação.Ex: fumos metálicos em geral ( de chumbo, alumínio, zinco, etc ) e fumos de cloreto de amônio.

FUMAÇA : são partículas com diâmetros inferiores a 0,5 µm formadas por mistura de gases, partículas sólidas e líquidas que resultam da combustão incompletade substâncias carbonadas. Ex: formadas pela combustão incompleta de materiais orgânicos.

NÉVOAS E NEBLINAS : são partículas líquidas resultantes de condensação de vapores ou dispersão mecânica de líquidos conseqüente de operações ou ocorrência de nebulização, borbulhamento, pulverização e respingo. Ex: névoa de ácido sulfúrico, de tinta e de ácido crômico

Gases e VaporesGás- substância que em condições normais de pressão e temperatura são encontradas em estado gasoso à temperatura de 25º e compressão de 1 atm(760 mmHg). São altamente difusíveis no meio ambiente.




Vapor – é a forma gasos de substâncias que se encontram em estado sólido ou líquido à temperatura de 25º e compressão de 1 atm.




Os gases apresentam grande variedade de...
tracking img