Artigo sistema operacional freebsd

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5599 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Seminário – FreeBSD Unix
Maison Luiz Mazetto, Rogério Rodrigues Rezende.
Sociedade Expoente de Ensino Superior Ltda
Rua Carlos de Campos, 1090 – 82.560-430 – Curitiba – PR - Brasil.


Abstract. This meta-paper describes the FreeBSD Operating System, its history of design, development and releases. Characteristics, where it is used, who is using what it does, what kind of hardware itsupports, its managerial and architectures.

Resumo. Este meta-artigo descreve o Sistema Operacional FreeBSD, seu histórico de criação, desenvolvimento e versões. Suas características, onde é usado, quem esta usando, para que Server, quais os tipos de hardware suporta o mesmo, suas gerencias e arquiteturas.



Descrição Geral


O projeto FreeBSD teve seu nascimento no início de 1993, emparte como uma consequência do conjunto de manutenção não-oficial do 386BSD (Unofficial 386BSD Patchkit). O primeiro lançamento oficial foi o FreeBSD 1.0 em dezembro de 1993, coordenado por Jordan Hubbard, Nate Williams e Rod Grimes.


Nosso objetivo original era produzir um snapshot intermediário do 386BSD, de forma a poder corrigir uma série de problemas com este sistema, que o mecanismode manutenção não era capaz de resolver. Alguns se lembrarão do nome inicial do projeto que era “386BSD 0.5” ou “386BSD Interim” em referência a este fato.

O 386BSD era o sistema operacional de Bill Jolitz, que já estava naquele instante sofrendo quase um ano de negligência. Como o mecanismo de manutenção patchkit se tornava mais e mais desconfortável a cada dia que passava, fomosunânimes em decidir que algo tinha que ser feito e decidimos ajudar Bill oferecendo a ele este snapshot “ínterim”. Tais planos foram bruscamente interrompidos quando Bill Jollitz repentinamente decidiu retirar sua sanção ao projeto sem nenhuma indicação clara do que deveria ser feito.

Não levou muito para decidirmos que o objetivo continuava a valer a pena, mesmo sem a ajuda de Bill, e entãoadotamos o nome “FreeBSD”, sugerido por David Greenman. Nossos objetivos iniciais foram definidos depois de consultar os usuários recentes do sistema e, uma vez estando claro que o projeto estava na estrada para, talvez, tornar-se uma realidade, entrei em contato com a Walnut Creek CDROM, com o olho aberto á possibilidade de aperfeiçoar os canais de distribuição do FreeBSD para as pessoas que nãotinham acesso à Internet. Walnut Creek CDROM não apenas aprovou a ideia de distribuir o FreeBSD em CD, mas também foi mais longe, ao ponto de oferecer ao projeto uma máquina para trabalho dedicado e uma conexão rápida com a Internet. Sem esta confiança, sem precedentes, da Walnut Creek CDROM no que era, naquele momento, um projeto completamente desconhecido, é muito provável que o FreeBSD não tivessechegado tão longe e tão rápido ao ponto em que está hoje.

O FreeBSD definiu então a árdua tarefa de literalmente se reinventar à partir de um sistema completamente novo e consideravelmente incompleto, o 4.4BSD-Lite. As versões ``Lite'' continham grandes blocos de código a menos, removidos pelo CSRG de Berkeley (devido a várias decisões legais), códigos necessários para a construção de umsistema inicializavel e que podia ser utilizado em produção e o fato é, que a conversão do 4.4 para a plataforma Intel era altamente incompleta. O projeto levou até Novembro de 1994 para concluir esta transição, quando lançou a versão 2.0 do FreeBSD na rede mundial e em CDROM ( em Dezembro ). Apesar de um pouco bruta naquele instante, a versão teve um sucesso significante, e foi seguida peloFreeBSD 2.0.5, mais robusto e de mais fácil instalação, em Junho de 1995.


Lançamos o FreeBSD 2.1.5 em Agosto de 1996, que foi bastante popular entre os provedores de internet (ISP) e as empresas a ponto de justificar a viabilidade de outra versão no ramo 2.1-STABLE. Esta versão foi o FreeBSD 2.1.7.1, lançado em Fevereiro de 1997, que marcou o término do desenvolvimento mainstream do...
tracking img