Arquitetura silenciosa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (283 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TEORIA CRÍTICA DA
ARQUITETURA
AULA FINAL 2009.02

ARQUITETURA
SILENCIOSA
Edson da Cunha Mahfuz

Entre os cenários e o silêncio.
Respostas arquitetônicas ao caos
do mundo contemporâneo.(2000)

ESPAÇO PÚBLICO > ESPAÇO COLETIVO

 Acesso



 Limite



 Propriedade
 Manutenção
 Controle






Acesso restrito por
critérios do proprietário
Limitefácil de
demarcar.
Patrimônio particular –
todos locatários - de
uma empresa.
Condomínio.
Segurança privada.

“Não-lugares”





“Ninguém sente apego particular”.
“Não funcionam comopontos de
encontro à maneira tradicional”.
“Centros comerciais, supermercados,
hotéis, aeroportos...”

Centro comercial Bercy 2 – Renzo Piano –
Paris, França: 1987-1990

VIA NOSTÁLGICA ouCENOGRÁFICA


Ou: pós-moderno historicista

VIA NOSTÁLGICA ou

CENOGRÁFICA










Imagens familiares
Anacrônica
Apropriação de outras culturas
“Disneyficação”
“Ondetudo é falso e culturalmente irrelevante”
Regressiva
Antimoderna
Não educa o usuário visualmente
Suposta preferência do cliente: receptor passivo de
imagens pasteurizadas.

Via do CAOS



Formas estranhas.
Geometrias complicadíssimas.
Exacerbação da desordem visual.

Casa
Moebius –
Van Berkel
& Bos.
Holanda
1993-1998

Arquitetura
“interessante”-Manipulações formais sem lógica visual
- Sem coerência com o programa
- Sem ligação com o contexto

ARQUITETURA SILENCIOSA
Alberto Campo
Baeza, Centro
Empresarial,
Mallorca,
Espanha, 1999.Javier GarciaSolera, Edifício
de Aulas,
Universidade
de Alicante,
Espanha,
1998-2000

Bach & Mora, Conjunto
ResidenciaL, Barcelona,
Espanha, 1999.
Paulo Mendes da Rocha, Loja Forma, SãoPaulo, 1997

Alejandro Aravena,
Faculdade de Matemática,
Santiago, Chile, 1998-99

Arquitetura sustentável
ou Green Architecture
Construir hoje sem prejudicar o
amanhã.

MEC (Concepção...
tracking img