Aprenda falar roi

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1032 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Aprenda a falar a língua do ROI

Quem não é da área financeira geralmente passa maus bocados tentando convencer os donos do cofre de que suas idéias são boas. Surpreenda-os dominando este glossário; ele pode lhe ajudar muito. Por John O’Leary

Se você não consegue se expressar usando a linguagem do retorno sobre o investimento (ROI, na sigla em inglês), suas idéias terão mortedolorosa no departamento financeiro.
Ninguém recebe aprovação para fazer despesas nos dias de hoje se não souber demonstrar um retorno econômico. Portanto, quem for de áreas não-financeiras precisa aprender o misterioso glossário do ROI, que inclui termos como ponto de equilíbrio, taxa interna de retorno e fluxo de caixa descontado.
Esses conceitos devem estar no sangue de qualquerpessoa encarregada de tomar ou monitorar decisões financeiras, mas, em um grande numero de empresas, a compreensão desse glossário se limita ao departamento financeiro.
Digamos que você queira gastar US$200 mil em um novo sistema de chamadas telefônicas automatizado. Você fica fascinado com o aumento de satisfação e fidelidade do consumidor que poderá advir da redução do tempo de espera de 60para 30 segundos. Embora melhorias como essa sejam importantes, não é com elas que se preocupam os “habitantes” do departamento financeiro. Para eles, o beneficio principal é acrescentar mais dinheiro aos lucros, uma vez que são eles que tomam as decisões entre duas (ou mais) alternativas. Um ROI é inútil a menos que você especifique o período no qual o desempenho financeiro deverá ser medido; amaioria dos cálculos de ROI busca projetar resultados de três a cinco anos.
Devemos gastar X dólares no projeto A ou Y dólares no projeto B? Seria melhor comprar ou alugar? Seria melhor fazer este produto internamente ou terceirizá-lo? Para responder a essas perguntas, você precisa produzir um case (uma historia financeira baseada em fatos, suposições razoáveis e lógicas). No centro dessahistória está uma projeção reflete as estimativas do impacto financeiro liquido de uma decisão ao longo de determinado período. Para construir a projeção, você deve documentar não apenas todos os custos e benefícios visados pela decisão, mas também o período no qual eles devem ocorrer.
Nesse ponto é importante destacar uma diferença crucial entre ROI e o impacto financeiro de umaretenção mais longa de clientes que você talvez consiga devido a, por exemplo, novos clientes que você talvez possa atrair. Talvez queira montar uma planilha eletrônica que ilustre como suas estimativas de benefícios financeiros mudam à medida que você altera suas suposições.
Uma vez que você tenha terminado de estimar todos os fluxos de caixa positivos e negativos associados à decisão em questão,resuma o fluxo de caixa calculando o impacto liquido em cada período. Nesse ponto, você estará pronto, você espera pronto para começar a analisar os resultados usando os seguintes métodos de comparação:

• Período de recuperação (payback).

É o momento no qual ocorre a recuperação de todos os custos. Várias empresas têm um benchmark de cinco a sete anos como período de retorno Maximoaceitável.
• Ponto de equilíbrio (breakeven point)

É o momento no qual as despesas são igualadas pelos aumentos de receita ou pelas reduções de custos em determinado período. O prazo entre o ponto de equilíbrio e o final do período recuperações dependera da capacidade de as receitas de vendas suplantarem os custos depois de o ponto de equilíbrio ter sido alcançado.
• Fluxo de caixadescontado (FCD).

É um fluxo de caixa resumido que dá conta do valor “tempo” do dinheiro, ou seja, um ajuste em função do fato de que US$100 recebidos hoje valem mais do que receber US$ 20 por ano pelos próximos cinco anos. O fluxo de caixa descontado mostra o impacto de seu projeto em dólares atuais. O valor presente de US$ 100 é calculado pela seguinte formula:

Valor presente = $100 ....
tracking img