Antropos e psique

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1717 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1) Somos frutos de uma evolução?



2) O surgimento da humanidade



"Quem administra apenas brigas e conflitos, perde a perspectiva de vida e do encontro com o outro próximo"



"Deixe que a amizade aflore despreocupadamente para emergir deste encontro um grande amor"





A.1) A teoria de Charles Darwin sobre a evolução

Todos somos frutos de uma mesma evoluçãobiologica, assemelahndo-nos a nossos parentes mais próximos, os primatas.



A.2) Confirmação da teoria da evolução e sua para o progresso

Somos animais que, como os demais, participamos do processo evolutivo, mas acreditamos ser essa evolução um progresso: caminha-se do mais simples ao mais evoluido, ao mais elaborado, situando-nos na ponta superior. Assim, nossa prepotência nos manteve intacta:continuamos acima dos demais animais.



A.3) Jacques Monod e a visão tradicional sobre a evolução

Resposta : Página 9 - final



A.4) As observações de Freud e as duas revoluções importantes apontadas por ele.

A primeira dessas revoluções foi a copernicana, que nos removeu do centro de um reduzido universo e nos remeteu à condição de habitantes de um pequeno planeta que gira emvolta de uma estrela, que hoje sabemos ser apenas uma, de quinta grandeza e periférica, dentre bilhões de estrelas numa das mais de 200 bilhões de galáxias existentes



A segunda grande revolução, para Freud, foi a darwiniana, por nos colocar na descendência comum a todos os demais seres vivos. Situou, ainda, sua própria descoberta sobre o inconsciente como responsável por fazer reconhecerque temos um porão desconhecido do qual a razão não consegue dar conta.



A.5) A visão de Jean B. Lamarck sobre o evolucionismo

Acreditava que os animais mudavam sob pressão ambiental, transferindo essas mudanças para sua prole. Embora estivesse errado, sua teoria foi revolucionaria para a época.



A.6) A teoria sistêmica e sua explicação

Em vez de considerar a evolução como umsimples resultado de mutações aleatórias e de seleção natural, começa-se a reconhecer o desdobramento criativo da vida em formas de diversidade e complexidade sempre crescentes. Embora a mutação e a seleção natural sejam aspectos importantes da evolução biológica, o foco central e a criatividade, "no constante avanço da vida em direção à novidade"

Níveis de complexidade crescente não significaevoluir em direção ao humano, bem como pode não ser algo positivamente melhorado.



A.7) Explique com suas palavras o significado da hipótese Gaia

A evolução não pode ficar limitada à adaptação de organismos ao seu meio ambiente. O próprio meio ambiente é também um ser vivo. Assim, o que se adapta a que? Por essa provocativa hipótese, cada qual se adapta aos outros num complexo processo deco-evolução. Os biólogos têm sido obrigados a reconhecer que, ao invés do que pregava a visão darwinista, não é a competição que responde pelo processo evolutivo e sim a cooperação contínua e a dependência mútua entre todas as formas de vida. A vida surge e se desenvolve no planeta através da formação de redes. A evolução não guarda planos ou projetos teleológicos, mas tampouco evidência deprogressos: O que há são padrões de desenvolvimento. A criatividade da natureza é ilimitada. Padrões semelhantes, como forma de enfrentar desafios semelhantes a diferentes espécies, gerou respostas semelhantes. Por exemplo, olhos ou asas. Se o surgimento de asas em insetos ou em aves se deu de maneira independente, foi devido a um padrão de desenvolvimento comum a ambos os casos. Resta-nos agora, nãomais como obra isolada, ou ponto terminal de um processo, mas como co-participante do cenário biótico planetário.





B) O surgimento da humanidade. Explicar os enunciados ou questões afirmativas colocadas como resposta.



B.1) A questão colocada pela antropologia (Página 7)

A antropologia sempre se colocou a questão de por quê não e como somos diferentes dos demais animais. Além...
tracking img