Animais invertebrados

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2186 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
• Invertebrados

Refere-se a um conjunto heterogêneo de animais, tendo sido cunhado em oposição a vertebrados (animais dotados de uma coluna vertebral), incluindo 35 filos e representando 97% de todas as espécies animais. É um grupo artificial, pois, por exemplo, as estrelas-do-mar não possuem coluna vertebral mas se aparentam mais com os vertebrados do que com os invertebrados, o que pode serevidenciado pela semelhança entre seus padrões de desenvolvimento embrionário. Os invertebrados mais familiares são os insetos, os crustáceos, os aracnídeos, os moluscos e os anelídeos, mas existem diversos outros grupos, como os priapulídeos, os acantocéfalos e os equiúros, cujos membros a maioria das pessoas nunca viu e provavelmente nunca verá, devido ao fato de viverem em habitats de difícilacesso, como o sedimento marinho e no interior de outros animais na forma de parasitas. No entanto, todos os animais e plantas são igualmente importantes para a estabilidade dos ecossistemas, pois todos fazem parte de intricadas relações ecológicas ainda pouquíssimo conhecidas pela ciência. Alguns grupos de invertebrados apresentam uma diversidade enorme, como os crustáceos (cracas, camarões,lagostas, caranguejos - 40.000 espécies), os aracnídeos (aranhas, escorpiões, ácaros - 63.000), os anelídeos (minhocas, poliquetos, sanguessugas - 75.000), os moluscos (ostras, mexilhões, caramujos, lesmas, lulas, polvos - 100.000) e os insetos (cerca de um milhão). Devido ao seu tamanho geralmente pequeno (alguns microscópicos), acredita-se que o número de espécies descritas representa apenas umapequena parcela do número existente. No total, são conhecidas cerca de 1.500.000 espécies de invertebrados, vivendo em todos os tipos de habitas do mundo todo.


Invertebrados marinhos
• Devido às particularidades do ambiente marinho, os invertebrados marinhos foram tratados à parte.


Apesar do oceano cobrir cerca de 70% da superfície terrestre, a maior diversidade é encontrada nas áreascosteiras. Por se constituir em uma zona de transição entre a terra e o mar, os ecossistemas litorâneos são vítimas de diversos agente de degradação: a expansão turística desordenada, o corte e o aterro de manguezais, o lançamento de esgotos domésticos e de resíduos industriais, o derrame de petróleo e a pesca e a coleta predatórias. O efeito combinado dessas formas de agressão é a redução dabiodiversidade, sem citar os riscos à saúde pública, pelo consumo de frutos do mar contaminados ou mesmo pela ingestão acidental de água do mar.


Os invertebrados marinhos estão associados a diversos tipos de ecossistemas, como o mar aberto, plataforma continental, praia arenosa, costão rochoso e manguezal. Cada ecossistema abriga um conjunto particular de animais, mas algumas espécies ocorrem emmais de um ecossistemas.



A única espécie de invertebrado marinho considerada ameaçada de extinção no Estado de São Paulo é o caranguejo-uça (Ucides cordatus), que habita áreas de manguezal. Esse caranguejo é intensamente explorado de forma artesanal. Outras 18 espécies são consideradas "Presumivelmente Ameaçadas", incluindo 1 espécies de caranguejos e siris (ex., chama-maré, guaiamu,maria-mulata).


Invertebrados Terrestres

A fauna de invertebrados terrestres é largamente dominada pelos insetos. O número relativamente pequeno de espécies de invertebrados terrestres consideradas ameaçadas (45) reflete mais a falta de conhecimento dos grupos que um bom estados de conservação de seus habitats. Mais da metade das espécies ameaçadas é de borboletas (ordem Lepidoptera),tradicionalmente colecionadas pela sua beleza e para a confecção de objetos de decoração (incluindo tampas de vasos sanitários). Uma dessas espécies (Eurytides iphitas) foi considerada "provavelmente extinta", ao lado da abelha turuçu (Melipona fuliginosa). Algumas dessas espécies dependem de determinadas plantas para se alimentar e completar seu ciclo de vida, e a destruição de seus habitats florestais...
tracking img