Analise comportamental do filme melhor impossivel

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (285 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO
CURSO: Psicologia – 4º Período
DISCIPLINA: Teoria Comportamental
DOCENTE: Felipe Pimentel
ALUNA:Rayane Piovezan do CarmoAnálise do filme: Melhor é Impossível

1. No filme “Melhor é impossível”, o protagonista Melvin apresenta comportamentos característicos de pessoas portadoras doTranstorno Obsessivo Compulsivo. Sabe-se que neste transtorno é comum o portador apresentar um conjunto de regras muito singular e peculiar. Cite ao menos três regras que Melvinapresenta no filme:Sentar sempre na mesma mesa da lanchonete, ser atendido sempre pela mesma garçonete, Carol, levar os próprios talheres de casa para almoçar, não admitir queoutras pessoas pessoas toquem nele, e não se preocupar com os sentimentos alheios falando qualquer coisa que tiver vontade.Ele só caminha em calçadas sem pisar nas divisórias,tranca a porta da sua casa cinco vezes, lava a mão cinco vezes e a cada vez usa um novo sabonete. Sendo que era um escritor passava grande parte do seu dia trabalhando.
2. Aoconhecer e se interessar por Carol, Melvin passou a “quebrar” algumas regras para conseguir se relacionar com ela. Discuta a partir do conceito de Comportamento Modelado porContingências, como tal mudança é possível. Primeiro passo dele foi voltar ao seu psiquiatra, e tomar a medicação, com isso pode ser que diminuiu a ansiedade extrema quepessoas portadoras de TOC tem.E ele ter mudado certos comportamentos que tinha,com isso ele se via mais perto de Carol, fora que tudo ao seu redor mudou fez amizades, e viu que nãoera tao ruim quanto achava que fosse, com isso foi cada dia ele se atrevia mais a se livrar de suas regras. Com terapia para portadores de TOC tudo fica mais tranquilo.
tracking img