Aldicarb

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (261 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O aldicarbe é facilmente absorvido por completo pelo trato gastrointestinal, pode ser absorvido pela pele (forma líquida) e chega rapidamente à corrente sanguínea quandoinalado. Os dois principais metabólitos (aldicarbe-sulfóxido e aldicarbe-sulfona) também apresentam elevada toxicidade, estes são derivados de reações de oxidação ou hidrólise.Vários carbamatos utilizam vias metabólicas similares tipo monoxigenases FAD-dependentes, que rapidamente os degradam em oximas, sulfóxidos, sulfonas e acetonitrilas e CO2.Após ser prontamente absorvido por qualquer uma das vias de exposição, o aldicarbe é rapidamente oxidado a aldicarbe sulfóxido (ASX) e uma porção deste é lentamente degradada aaldicarbe sulfona (ASN), antes de ser hidrolisado a agentes não colinérgicos. Estes três compostos podem ser convertidos em suas respectivas oximas e nitrilas e podem sertransformadas em aldeídos, ácidos e álcoois.
O metabólito ASX é um inibidor mais forte da acetilcolinesterase que o próprio aldicarbe, enquanto o ASN é menos ativo.
Alguns estudosfeitos com suínos mostraram que sistemas enzimáticos microssomais, envolvendo monooxigenases e o citocromo P450, catalisam a transformação de muitos praguicidas a sulfóxido esulfona, respectivamente, e que o mesmo ocorre na oxidação do aldicarbe, e o citocromo P450 pode contribuir na oxidação a sulfóxido.
O aldicarbe e seus dois metabólitos sãohidrolisados as suas correspondentes nitrilas, e estas são consideradas atóxicas.
O aldicarbe e seus metabólitos são distribuídos por vários tecidos do corpo, mas não háindícios de que estes se acumulem.
Estudos mostraram que a excreção de aldicarbe é de aproximadamente 90% por via renal e de 2 a 5% pelas fezes 24 horas após a exposição oral.
tracking img