Agronegocio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5079 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]









Tecnologia de produção vegetal I







Douglas Pacheco
Mateus Henrique
Renan Campos
Sandro
Valdeir de Matos
William Rogério Mistura


Taquaritinga
2012
SUMÁRIO



FRUTIFICAÇÃO

1. Introdução
2. Crescimento das flores
3. Polinização
4. Mecanismos de fecundação cruzada
5. Receptividade do estigma
6. Estabelecimento do fruto
7. Desenvolvimento dos frutos
8. Características geraisdos frutos

DORMÊNCIA E GERMINAÇÃO

1. Introdução
2. Estrutura de semente, de plântulas e órgãos dormentes
3. Tipos de dormência em sementes
4. Fisiologia da dormência em semente e gemas
5. Fatores que afetam a germinação
6. Metabolismo da semente durante a germinação











FRUTIFICAÇÃO

Introdução

O fruto é formado, geralmente, por um o mais ovário modulo da mesma flor ou de floresdiferentes de uma inflorescência.
Dentro do ovário, o desenvolvimento dos óvulos fecundados irá dar origem às sementes. Os frutos representam o estagio final da reprodução sexual e eles são, portanto, os órgãos disseminares das angiospermas, provendo a dispersão das sementes.
Ex: tais como os frutos de ervilhas e de feijão, o fruto consiste de sementes inclusas dentro de um ovário expandido(vargem). Em milho, o fruto consiste de uma única semente fundida com parede do ovário.

Crescimento das flores

As flores das angiospermas consistem de: sépalas, pétalas, estames e pistolo.Quando a parte feminina(pistolo) e a masculina(estame) são encontradas na mesma flor, ela é denominada hermafrodita ou perfeita.Certas espécies produzem flores unissexuais ou imperfeitas,sendo que se pode encontrarflores masculinas e femininas na mesma planta (monóicas) ou em plantas diferentes(dióicas).
As diferentes partes florais afetam diferentemente o crescimento da flor.Remoção dos estames do botão floral provoca redução na mobilização de açucares para a flor e parada da atividade mitódica do ovário.O ovário é uma rica fonte de auxina, a remoção do ovário provoca a abscisão desse órgão.Em muitos casosaplicação de auxinas ou de giberelina, em concentrações adequadas, retardam a abscisão floral.
O crescimento do pedicelo, em muitas espécies, está diretamente relacionado a etímulos produzidos pelo botão floral.Em Fritillaria e Cyclamem ocorrem dois máximos de crescimento: o mais rápido ocorre antes da abertura da flor, há então uma parada no crescimento que corresponde a abertura da flor,eoutra fase de crescimento que ocorre simultaneamente ao estabelecimento do fruto.
Há provas de que algumas flores também produzem auxinas durante sua abertura.A formação de flores unissexuais,parece envolver a supressão do crescimento de umas das partes florais,numa flor feminina são encontrados rudimentos masculinos e vice-versa.


Polinização

O grão de pólen, produzido na antera, é ogametófito masculino das plantas superiores. Em angiospermas são encontrados dois tipos de grão de pólen: um tipo mais primitivo é binucleado, apresentando, no estágio de micrósporo, um núcleo vegetativo e outro generativo; os grupos de angiospermas mais avançados ( Compositae, gramínea, etc.) possuem pólens trinucleados. Quando o pólen dessas plantas é liberado ele possui um núcleo vegetativo e doisnúcleo generativos.
Polinização consiste na deposição do grão-de-pólen sobre o estigma do pistilo, e ela ocorre por diversas maneiras ( vento, insetos, artificial, autofecundação, etc.) após polinização, o grão-de-pólen germina, se o estigma for receptivo, produzindo um tubo polínico. Enzimas secretadas pelo pólen intensificam o crescimento do tubo polínico através do estilete e, eventualmente,através da micrópila. Já as substancias produzidas no pistilo parecem causar um crescimento quimiosmótico positivo de tubo polínico.
Além disso, um gradiente de Ca2+ do estigma até o óvulo, parece estar relacionado, também, com a orientação e crescimento do tubo polínico ( quimiotropismo ).
Após a polinização e a germinação do grão-de-pólen, ocorre a dupla fecundação. No caso do...
tracking img