Africa e musica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1586 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A música na construção da identidade
Manifestações culturais afro-brasileiras

Justificativa
A partir do curso “Musicalizando”, refleti sobre a importância da música e da dança como conteúdo da educação escolar, enfatizando o valor educacional e o resgate cultural na construção da identidade racial dos alunos.
O projeto interdisciplinar em questão, foi elaborado a partir das necessidades dosalunos quanto a reconhecer a diversidade étnico-racial, e conhecer melhor as culturas afro-brasileira e africana, bem como suas raízes, mistérios, encantos e desencantos.
Este projeto possui, como princípios norteadores à reflexão, a questão do negro na escola e a desconstrução do preconceito racial, como o intuito de promover e consolidar a auto-estima positiva da população negra e mestiça,proporcionando o ensino-aprendizagem baseado na diversidade, e propondo situações de aprendizagem desafiadoras, que buscarão trazer novos conhecimentos, pautados nas Leis 10.639/03 e 11.645/08, que abordarão as questões anti-racistas e a discriminação racial.
Objetivo Geral
Apresentar como a música afro-brasileira, com suas dimensões culturais, pode contribuir para a construção da identidaderacial do aluno, resgatando elementos da identidade cultural brasileira; por fim, propor abordagens construídas na interação e na análise reflexiva.
Reforçar a auto-estima dos alunos negros e a integração entre todo os componentes do alunado, passando a valorizar, não somente a etnia, como o respeito às diferenças religiosas e culturais.
Objetivos Específicos

Identificar e analisar o impacto dastransformações culturais, comparando, analisando e sintetizando a densidade das relações e transformações que deram, à realidade concreta e vivida, o formato socialmente separatista e excludente que apresenta nos dias atuais.

Refletir sobre o universo cultural afro-brasileiro, contribuindo, desta forma, para a compreensão ampla do significado de “cultura”, e para a eliminação de idéias eatitudes estereotipadas e preconceituosas.

Priorizar a reflexão e a preservação da arte e de outras manifestações culturais, a partir da música.

Adotar atitudes de respeito pelas diferenças culturais entre grupos e pessoas, o que é absolutamente necessário para o convívio harmonioso em qualquer sociedade que se queira democrática e pluralista.

Traduzir conhecimentos sobre as culturasafro-brasileira e africana, em condutas de indagação, análise, problematização e protagonismo.

Promover o desenvolvimento das formas musicais, gêneros e estilos.

Discorrer sobre a história dos instrumentos musicais e as técnicas associadas à sua execução.

Abordar a influência mútua entre a música e os demais movimentos culturais.

Apresentar as principais personalidades envolvidas naevolução musical brasileira: compositores e músicos que marcaram cada período ou gênero específico, ou que impulsionaram o desenvolvimento de novas formas, estilos e gêneros.

Metodologia
A metodologia assentar-se-á em atividades diversas, adaptadas grupo a grupo e momento a momento, mas sempre voltadas a:
Descrever o que é e quais são os ritmos e as danças afro-brasileiras.
Investigar a música comoconteúdo, buscando entender e debater a letra e seu real sentido.
Resgatar a identidade cultural, promovendo a interdisciplinaridade.
Conhecer a vida e obra dos autores das músicas e o sentido de sua produção artística; como exemplo, a música "Canto das três raças”, de Mauro Duarte e Paulo César Pinheiro.
Realizar pesquisa bibliográfica sobre alguns dos elementos da cultura africana que foramincorporados à cultura brasileira.
Formar grupos que, abordando países africanos de Língua Portuguesa, levantarão dados sobre os grupos étnicos que nele vivem atualmente, descrevendo, dentre outros aspectos, seu modo e os idiomas ou dialetos falados simultaneamente ao Português.
Apresentar iconografia abordando cerimônias religiosas de matriz africana ocorridas tanto na África quanto no...
tracking img