Afogamento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1123 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Afogamento
Mecanismos do afogamento

Quando uma pessoa consciente submerge num meio líquido, contém a respiração voluntariamente, apesar de este recurso apenas ser conveniente durante um breve período de tempo, tendo em conta que é preciso regressar imediatamente a superfície para respirar. Pode acontecer que a vítima, por não saber nadar ou ao sentir que não consegue flutuar, entre empânico, o que acaba por impedi-la de agir racionalmente e, através dos seus movimentos descoordenados, faz com que comece a engolir água. De qualquer forma, inicialmente, não se produz uma inalação de água, porque perante a entrada de líquido nas vias aéreas desencadeia-se um mecanismo reflexo que provoca o encerramento da glote (laringospasmo), o que impede a passagem do líquido para os pulmões,acabando o líquido por ser deglutido e acumulado no estômago. No entanto, este mecanismo reflexo provoca a interrupção da troca gasosa a nível pulmonar. Caso a situação persista, a consequente descida da oxigenação sanguínea origina uma progressiva alteração do funcionamento cerebral, o que vai provocar, por um lado, perda de consciência e, por outro lado, uma insuficiência do reflexo laríngeo destinadoa impedir a passagem do ar para os pulmões. A prolongada falta de oxigenação determina uma paragem respiratória e, consequentemente, uma paragem cardíaca, enquanto que a insuficiência do reflexo laríngeo implica a entrada de líquido nos pulmões. Ambas as situações são extremamente graves, visto que a paragem respiratória pressupõe um risco de morte iminente na ausência do oportuno salvamento etratamento e a aspiração de água, mesmo quando o salvamento é eficaz, desencadeia uma série de alterações que provocam, a curto ou médio prazo, uma situação considerada crítica.

Tipos e consequências

Independentemente das circunstâncias específicas ou do local em que ocorra (no mar, num rio, numa piscina ou numa banheira), uma imersão excessivamente prolongada provoca sempre um evidente riscomortal, pois ao fim de alguns minutos de interrupção da troca gasosa a nível pulmonar geram-se lesões cerebrais que, caso não provoquem a morte, podem gerar problemas neurológicos irreversíveis, mesmo quando se procede ao salvamento e tratamento imediatos da vítima. De facto, embora o afogamento não seja um dos acidentes mais frequentes, um dos que apresenta maiores índices de mortalidade. Contudo,o prognóstico depende, para além da rapidez com que se efectua o salvamento, do mecanismo fisiopatológico envolvido e da natureza do meio aquático em que se produz o acidente, o que permite distinguir dois tipos de afogamento.

Afogamento seco. Representando um em cada dez casos, o laringospasmo é tão intenso que praticamente não permite a passagem de liquido para os pulmões, pois a principalcausa de morte é a falta de oxigenação e a consequente paragem respiratória, seguindo-se a paragem cardíaca. Caso o salvamento seja imediato, talvez se consiga recuperar a respiração, espontânea ou através dos primeiros socorros – embora inicialmente a vitima apresente sinais de insuficiência respiratória (dispneia, cianose), os sintomas começam a ceder, sem grandes complicações, com a recuperaçãoda função respiratória. Caso o salvamento seja tardio, o prognóstico depende do tempo decorrido e as consequências serão as resultantes de uma paragem cardiorespiratória prolongada, com risco mortal.

Afogamento húmido. Neste caso, a causa da paragem respiratória alia-se às consequências da passagem da água para os pulmões, de diferente tipo, conforme a natureza do liquido.

Tratando-se deágua do mar, com uma concentração de sais muito superior à sanguínea, verifica-se uma passagem da água dos capilares para o interior dos alvéolos – desta forma, os pulmões inundam-se ainda mais. Contudo, esta não é a principal consequência negativa, pois a brusca redução do volume de sangue circulante pode provocar uma paragem cardíaca, com resultados fatais.

Se se tratar de água doce, com uma...
tracking img