Adm.escola classica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2036 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Disciplina: Administração I
Administração I – Escola Clássica – I Parte

Principais Teorias da Administração


Bibliografia utilizada
Introdução à Administração
Autor: Antonio César Amaru Maximiano.

Ed. Atlas - 2000

www.atlasnet.com.br


Vamos apresentar um panorama das teorias da administração que se desenvolveram no século XX. A evolução das idéias e dos eventos quedeterminaram o surgimento das técnicas teóricas. As divisões são:

1. Escola Clássica
2. Enfoque Comportamental
3. Enfoque Sistêmico
4. Enfoque da Qualidade
5. Modelo Japonês

As teorias administrativas espelham o momento histórico em que são produzidas. No início do século XX, as teorias administrativas refletiam as necessidades das grandes empresas que estavam surgindo.
No início doséculo, como vimos a ênfase da administração estava na produção eficiente de bens, atendendo a um mercado crescente, o que parecia inesgotável. Havia poucos concorrentes fazendo automóveis, pneus, lâmpadas elétricas e telefones. Devia-se produzir muito e de forma eficiente.
No final do século, surge a multiplicidade de concorrentes, e os mercados não crescem o tanto quanto cresce a concorrência.Há escassez de recursos e de consumidores. A teoria da Administração desloca-se para a competitividade.



ESCOLA CLÁSSICA

Estudamos os processos da Revolução Industrial e suas conseqüências, e vimos que a ADMINISTRAÇÃO começou a nascer na Europa no século XVIII – o conceito da divisão de trabalho é colocado em prática e se torna universal, no livro A riqueza das Nações, de 1776, AdamSmith evidencia as vantagens deste conceito. (os operários especializados poderiam ser mais eficientes fabricando quantidade muito maior do que se cada um tivesse que fabricar o alfinete completo).
A partir do século XX - a organização eficiente do trabalho nas empresas tornou-se a base do desenvolvimento da teoria e da prática da administração. Muitos participaram deste processo.
Pesquisadores eestudiosos – Frederick Taylor
Industrial – Henry Ford
Executivo – Henri Fayol
Cientistas – Max Weber

Eles formam a ESCOLA CLÁSSICA da administração.


Frederick Winslow Taylor

(1856-1915) americano (de família enriquecida pelo comércio com a Índia) Estudou em Harvard, abandonando seus estudos para trabalhar como aprendiz em uma fábrica. Quatro anos depois foi mecânico na Midvale SteelCo., e depois se tornou o primeiro engenheiro a ser consultor empresarial. Sendo o consultor de Henri Ford.
Obcecado por regras – quando freqüentava bailes fazia uma lista das moças atraentes e das não atraentes, para repartir seu tempo entre elas, igualitariamente.

Movimento da administração científica
- Os princípios e as técnicas criadas por esse movimento procuravam aumentar aeficiência dos trabalhadores por meio da racionalização do trabalho.
- 1903 – Taylor apresenta à Sociedade Americana de Engenheiros Mecânicos o estudo Shop management com os quatro princípios:
1. O objetivo da boa administração era pagar salários altos e ter baixos custos de produção.
2. Com esse objetivo, a administração deveria aplicar métodos de pesquisas para determinar a melhor maneira deexecutar tarefas.
3. Os empregados deveriam ser cientificamente selecionados e treinados, de maneira que as pessoas e as tarefas fossem compatíveis.
4. Deveria haver uma atmosfera de íntima e cordial cooperação entre a administração e os trabalhadores, para garantir um ambiente psicológico favorável à aplicação desses princípios.
Livro: Princípios da Administração Científica – 1911 –Taylor apresenta a diferença entre a filosofia (conjunto de princípios) e as técnicas (mecanismos) da administração científica.
Os mecanismos eram:
- Estudos de tempos e movimentos;
- Padronização de ferramentas e instrumentos;
- Padronização de movimentos;
- Sistemas de pagamento de acordo com o desempenho.




Taylor:

Os objetivos da Administração...
tracking img