Acne tccc

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 72 (17754 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
I INTRODUÇÃO

A pele, ou cútis é o maior órgão do corpo humano, ocupando área média de 2m2, correspondente a cerca de 10 a 15% do peso total corporal. É um órgão de revestimento complexo e heterogêneo, composto essencialmente de três grandes camadas de tecidos: uma superior (a epiderme), uma camada mediana sem contato com o meio externo (a derme) e uma camada subcutânea (a hipodermeem contato com os músculos). O seu principal papel é proteger o organismo, de um lado impedindo a entrada de substâncias nocivas, e de outro, evitando a evaporação excessiva de água, que levaria à desidratação, exercendo desse modo uma função de barreira, sendo a epiderme a camada mais importante para essa função (LEONARDI, 2004).
O estrato córneo da epiderme representa a porção maissuperficial e menos permeável da pele, apresentando células queratinizadas e alto teor de lipídios organizadas em bicamadas. Depois que uma molécula atravessa o estrato córneo, não há outra barreira à difusão nas outras camadas da pele se a molécula não for segura ou metabolizada no caminho (LEONARDI, 2004).
A derme representa a segunda camada da pele, com uma das funções a de sustentação, edessa região originam-se os anexos cutâneos como as glândulas sudoríparas, sebáceas e folículos pilosos. Esses anexos estão intimamente relacionados com o desenvolvimento do acne, tanto no aspecto da promoção, condições e nutrientes para o desenvolvimento de microrganismos, como também no desencadeamento de processos cicatriciais e seqüelas determinadas (HAAKE & HOLBROOK, 2005).
A acne é adoença dermatológica de etiologias variadas, dentre elas, a susceptibilidade geneticamente determina sua incidência, mais comum entre os 10 e 20 anos de vida, correspondendo ao período da adolescência, embora possa se manifestar eventualmente em todas as idades. Essa moléstia, por se manifestar principalmente na pele do rosto, causando alterações inestéticas na aparência, afeta profundamente aintegridade psíquica e a auto-estima dos pacientes. Essas alterações geralmente não promovem danos mais sérios á integridade física dos pacientes, sendo mais comum a formação de cicatrizes e manchas, o tratamento dessa moléstia foi pouco considerada no passado. Atualmente contudo, devido a maior valorização social da beleza e da moda, além da evolução dos métodos físicos e farmacêuticos de diagnóstico ede tratamento, a acne tem sido considerada e tratada como uma moléstia (SILVA, et al. 2005).
Para o tratamento do acne são utilizados vários princípios ativos e terapias, desde o uso de antibióticos tópicos e de uso interno, cosméticos para limpeza da oleosidade da pele e medicamentos tópico de ação anti-séptica, métodos físicos como aplicação de luz ou abrasão mecânica, até medicamentospara controle hormonal e também dietas alimentares balanceadas. O sucesso no tratamento muitas vezes deve-se à associação da aplicação de produtos cosméticos com as outras terapias disponíveis (STRAUSS & THIBOUT, 2005; KEDE & SABATOVICH, 2003; LEONARDI, 2004; SILVA, et al. 2005).






II OBJETIVO

O objetivo deste trabalho foi pesquisar os trabalhos científicos referentes aos vários tiposde acne, suas possíveis causas e a eficácia dos vários métodos de tratamento, recuperação e cosméticos utilizados.


III MATERIAL E MÉTODOS

A revisão da literatura científica foi efetuada em livros e revistas especializadas, e também em bases de dados disponibilizadas na internet, tais como SCIELO, BIREME e MEDLINE. A pesquisa foi efetuada no período compreendido entre Julho e Outubro de2005, utilizando-se o cruzamento das palavras-chave cosmético, acne, tratamento e medicamento.









IV REVISÃO DA LITERATURA

4.1 Pele
A estrutura da pele, formada pelas camadas da epiderme, derme além da camada subcutânea (endoderme ou hipoderme), pode ser explicada em termos de função, e em muitos casos correlacionadas com células específicas, organelas de...
tracking img