Acidos nucleicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3132 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE BIOQUÍMICA

Química de Nucleotídeos e Ácidos Nucléicos
Disciplina: Bioquímica 7 Turma: Medicina ( 2o período)

Profa. Nereide Magalhães Departamento de Bioquímica - UFPE

• “A analogia me levaria a um passo adiante, isto é, à crença de que todos os animais e vegetais descendem de um protótipo único [...]Todos os seres vivos têm muito em comum, em sua composição química, em suas vesículas germinativas, em sua estrutura celular e em suas leis de crescimento e reprodução [...] Provavelmente todos os seres orgânicos que tenham em qualquer ocasião vivido nessa Terra, descendem de alguma forma primordial única, na qual a vida primeiro respirou. ... De um começo tão simples, formas infindáveis, as maisbelas e as mais maravilhosas, evoluíram e estão evoluindo.” CHARLES DARWIN (1859)

On the Origin of Species

Escala Cronológica da Evolução da Vida

DNA – origem da vida: Uma cronologia (Battail, 2001)

O QUE É REALMENTE A VIDA?
Tendências estão derrubando as barreiras entre o vivo e o não vivo.
• 1a mudança: Superação do vitalismo. • 2a mudança: desaparecimento dos contornos
nítidos nadistinção entre vivos e não vivos

Seleção natural • Darwinismo e Teoria da evolução • O DNA/RNA

Propriedades características da vida natural • Capacidade de reprodução • Sensibilidade ao ambiente • Metabolismo • Singularidade química • Alto grau de complexidade e organização • Programação genética que dirige o desenvolvimento • Histórico modelado pela seleção natural

Dificuldades paradefinir a vida
SEMENTES, estão vivas, mas não metabolizam VIRUS, não se auto-reproduzem SALSICHAS não estão vivas, mas contém programa genético, são feitas de proteínas e DNA VIRUS DE COMPUTADOR, com propriedades da vida biológica: reproduzem-se, são sensíveis ao ambiente, metabolizam (consomem processamento, memória), podem ser complexos, sobrevivem usando seleção natural.

•INTELIGÊNCIA E VIDAARTIFICIAL

Os maiores desenvolvimentos: trabalho brilhante do Inglês Alan Turing (1912-1954).

O pensamento como processo que liga insumo ao produto, independente do substrato que o encerra (Princípio da inteligência artificial).
http://em.wikipedia.org/wiki/Alan_Turing http://www.turing.org.uk/Turing/

Estudo do comportamento de máquinas: • “Esconder" de um observador detalhes sobre"quem é quem". O observador é apresentado a diversas situações em que se defronta com duas "pessoas", digamos João e José. • Uma delas é uma pessoa e a outra é uma máquina, porém o observador não sabe "who is who".

• Se ele for capaz de discriminar claramente quem é o computador, então fica claro que a máquina não "é" um ser humano. • Mas, quando o observador não for capaz de discernir quem é amáquina e quem é o computador? Não se tratam de "duas" pessoas? Uma máquina não pode ser humana apenas no sentido de não possuir vida Biológica!

O FUTURO
A vida artificial deve proporcionar avanços extraordinários. É importante refletir, conhecer e tratar de maneira oportuna e cautelosa. Provavelmente haverá síntese de sistemas adaptativos complexos, oferecendo uma visão que coloca o homemdentro de um mundo onde haverá muitas formas de vida e entidades aparentemente vivas.

Importância Biológica dos Ácidos Nucléicos
DNA = Ácido Desoxirribonucléico RNA = Ácido Ribonucléico Os ácidos nucléicos são responsáveis e pela pela

transmissão do

Código genético

síntese

protéica.

Relação do Dogma Central
DNA
o çã e cri s as er ran t lim po NA R

replicação X

DNA

In vovi

RNA

tradução

Síntese Protéica

Fluxo da Informação Genética RNA
rsa eve r se a ipt scr ran T

DNA

RNA

Síntese Protéica

Retrovírus

Introdução
• O corpo humano é constituído por alguns trilhões de células • Estas células, na sua maioria, possuem uma estrutura que comanda e coordena todas as suas atividades: o núcleo • No interior do núcleo, é encontrado o DNA...
tracking img